NOTIMP - NOTICIÁRIO DA IMPRENSA

Capa Notimp Acompanhe aqui o Noticiário relativo ao Comando da Aeronáutica veiculado nos principais órgãos de comunicação do Brasil e até do mundo. O NOTIMP apresenta matérias de interesse do Comando da Aeronáutica, extraídas diretamente dos principais jornais e revistas publicados no país.


OUTRAS MÍDIAS


AERO MAGAZINE - E175-E2 decola pela primeira vez e inicia campanha de ensaios em voo

Aeronave é a terceira da família E-Jet E2 e evento foi o último sob a marca Embraer na aviação comercial

Edmundo Ubiratan | Publicada em 15/12/2019 14:18

A Embraer realizou o primeiro voo com o E175-E2, decolando das instalações da empresa em São José dos Campos, no interior de São Paulo. O modelo é o terceiro integrante da família E-Jets E2, devendo agora dar início a uma rigorosa campanha de ensaios em voo, prevista para durar 24 meses.

O E175-E2 decolou às 11h07 da manhã e realizou um voo de duas horas e dezoito minutos, sob controle do comandante Mozart Louzada, juntamente com o primeiro oficial Wander Almodovar Golfetto e os engenheiros de voo Gilberto Meira Cardoso e Mario Ito. De acordo com a Embraer, a aeronave decolou e pousou com controles fly-by-wire no modo normal e o voo inaugural teve como foco a avaliação do desempenho da aeronave, a qualidade do voo e o comportamento dos sistemas.

A Embraer utilizará três aeronaves na campanha de certificação do E175-E2. O primeiro e o segundo protótipos serão utilizados para testes aerodinâmicos, de desempenho e de sistemas, enquanto o terceiro protótipo será usado para validar as tarefas de manutenção e será equipado com interior.

A decolagem do E175-E2 marca a última cerimônia do primeiro voo de uma aeronave comercial da Embraer, visto que a certificação do modelo ocorrerá já sob controle da Boeing Brasil Commercial. A Embraer ficará voltada agora apenas nos segmentos de aviação de negócios e militar. A fabricante brasileira ainda deverá apostar em outros negócios, especialmente em alta tecnologia aeroespacial.

Em comparação ao E175 de primeira geração, o E175-E2 possui uma fileira adicional de assentos, podendo ser configurado com 80 assentos em duas classes ou até 90 em classe única. O avião deverá economizar até 16% em combustível e 25% nos custos de manutenção por assento em comparação ao E175.

AVIÃO REVUE- FAB recebe segunda unidade do KC-390 Millennium


A Redação | Publicada em 15/12/2019 08:18

A Força Aérea Brasileira recebeu nesta sexta-feira (13/12) a segunda unidade da aeronave multimissão KC-390 Millennium. O avião de matrícula FAB 2854 pousou às 12h20 na Ala 2, Organização Militar da FAB sediada em Anápolis (GO), e foi recebida pelo Comandante do Primeiro Grupo de Transporte de Tropa (1º GTT), Tenente-Coronel Aviador Luiz Fernando Rezende Ferraz, acompanhado de militares do 1º GTT e do Grupo Logístico de Anápolis (GLOG 2).

“Hoje, recebemos a segunda aeronave KC-390, FAB 2854. Com duas aeronaves, seremos capazes de agilizar a formação dos nossos pilotos e dos nossos mantenedores na operação do novo vetor. Cabe destacar o incremento da capacidade logística que teremos na Força Aérea com a ativação e operação das aeronaves KC-390 Millennium recebidas”, disse o Tenente-Coronel Ferraz.

A aeronave decolou da sede da EMBRAER em Gavião Peixoto (SP) e transportou, além da tripulação da empresa, militares do 1ºGTT que participaram do recebimento do KC-390.

Recebimento da primeira unidade

A primeira aeronave multimissão KC-390 Millennium foi recebida pela FAB em 04 de setembro. A solenidade foi presidida pelo Presidente da República, Jair Bolsonaro, e também teve a presença do Ministro da Defesa, Fernando Azevedo e Silva, e do Comandante da Aeronáutica, Tenente-Brigadeiro do Ar Antonio Carlos Moretti Bermudez, além de Ministros de Estado, Oficiais-Generais da Marinha, do Exército e da Aeronáutica, autoridades civis e militares, e executivos da Embraer.
A entrega da aeronave FAB 2853 aconteceu com o tradicional batismo. “Incorpora-se, hoje, à FAB o maior avião militar produzido no Brasil, o KC-390. Ele representa um marco na excelência de processos da FAB e, certamente, impulsionará a Base Industrial de Defesa no Brasil”, disse à época o Comandante da Aeronáutica. O Presidente da República destacou a importância da materialização do projeto brasileiro. “É uma aeronave que chegou para somar ao país e colaborar no cumprimento da missão da Força Aérea”, declarou.

KC-390 Millenium

Maior avião militar desenvolvido e fabricado no Hemisfério Sul, o KC-390 Millennium tem capacidade de realizar missões de transporte aéreo logístico, reabastecimento em voo (REVO), evacuação aeromédica, busca e salvamento, ajuda humanitária e combate a incêndio, dentre outras. O KC-390 foi desenvolvido para atender os requisitos operacionais da FAB, provendo mobilidade estratégica às Forças de Defesa do Brasil.