NOTIMP - NOTICIÁRIO DA IMPRENSA

Capa Notimp Acompanhe aqui o Noticiário relativo ao Comando da Aeronáutica veiculado nos principais órgãos de comunicação do Brasil e até do mundo. O NOTIMP apresenta matérias de interesse do Comando da Aeronáutica, extraídas diretamente dos principais jornais e revistas publicados no país.


TV BRASIL


Militares ajudam no combate à Covid-19 em comunidades indígenas da Amazônia


Da Redação | Publicada em 09/06/2020

As Forças Armadas estão ajudando no combate à pandemia do novo coronavírus em várias partes do país. Nesta semana, militares visitam comunidades indígenas na Amazônia. As famílias de baixa renda que não têm acesso a meios digitais poderão pedir o auxílio emergencial nas agências dos Correios.

Alcântara se prepara para virar plataforma de lançamento


Da Redação | Publicada em 09/06/2020

O Centro Espacial Alcântara, no Maranhão, já está a poucos passos de virar uma plataforma de lançamento para veículos espaciais. A Agência Espacial Brasileira já começou a receber propostas de empresas interessadas em lançamentos a partir de lá.

PORTAL DEFESANET


Ministério da Defesa - Nota sobre a Aviação do Exército


Da Redação | Publicada em 09/06/2020 12:00

MINISTÉRIO DA DEFESA


Ribeirinhos do Arquipélago de Marajó serão beneficiados com 16 mil cestas básicas


Por Tenente Vanessa Rosana | Publicada em 09/06/2020 19:49

Brasília (DF), 09/06/2020 – Ribeirinhos do arquipélago do Marajó, no Estado do Pará, vão receber 16 mil cestas básicas entre 15 e 20 de junho. A carga foi embarcada por militares da Marinha e do Exército no Navio Auxiliar “Pará” e segue para o destino.

A iniciativa partiu do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos (MMFDH), dentro do Programa "Abrace o Marajó", desencadeando a Operação Pão da Vida, que, na sua primeira fase, entregará 8 mil cestas básicas nos municípios de Afuá e Chaves, ambos no Pará. Essa Operação vai beneficiar diversas outras localidades marajoaras ao longo dos meses de junho, julho e agosto de 2020.

Na região de São Gabriel da Cachoeira, no estado do Amazonas, profissionais de saúde das Forças Armadas e da Secretaria Especial de Saúde Indígena (SESAI) do Ministério da Saúde apoiam a 2ª Brigada de Infantaria de Selva na assistência à saúde e realizam a distribuição de medicamentos e alimentos às comunidades indígenas. Nos dias 7 e 8 de junho, as ações ocorreram no 5° Pelotão Especial de Fronteira, em Maturacá, onde foram assistidos indígenas da etnia Yanomami. Nessa região vivem cerca de 600 indígenas dessa etnia. Nos dois primeiros dias de atividade, a equipe de saúde das Forças Armadas atendeu 92 pacientes.

Na quarta-feira (10), uma aeronave C-130 da Força Aérea Brasileira, transportará cerca de 30 toneladas de insumos hospitalares para a capital de Roraima. A carga vai atender as necessidade da Área de Proteção e Cuidados instalada em Boa Vista.

Na Bahia, 26 militares do Comando Conjunto apoiaram o Drive Thru Solidário que arrecadou mais de 16 toneladas de doações. A campanha ocorreu no estacionamento da Casa Pia e Colégio dos Órfãos de São Joaquim, no bairro da Calçada.

A coordenadora do projeto, Fernanda Viana, explicou que essa modalidade foi adotada para que a população pudesse doar materiais de higiene e produtos de limpeza sem correr riscos de contaminação pelo novo coronavírus.

A Marinha fez nova doação de kits de alimentação às famílias de alunos atendidos pelo Programa Forças no Esporte (PROFESP), na capital federal. Nos primeiros dois meses da ação, foram distribuídas cerca de 8 toneladas de alimentos.
Com a suspensão das atividades esportivas do Programa, por conta da pandemia, o recurso financeiro repassado pelo Ministério da Cidadania e que seria destinado às refeições dos jovens foi aplicado na preparação dos kits.

Em São Paulo, os jovens que receberam alimentos arrecadados pelas organizações militares de Osasco, Barueri e Carapicuíba escreveram cartas agradecendo a solidariedade dos militares durante as dificuldades enfrentadas no período da pandemia. No total, três toneladas de alimentos foram arrecadadas.

"Venho agradecer em nome de todos e, especialmente, em meu nome, as doações recebidas, que neste momento fazem toda a diferença, pois o mundo inteiro está necessitando de muito carinho e compreensão para sobreviver no meio desta pandemia da COVID-19", escreveu a adolescente Ingrid, de 13 anos.

As ações de desinfecção também continuam em todo o País. Militares do Comando Conjunto Rio Grande do Norte e Paraíba desinfectaram o Depósito Judicial do Tribunal Regional do Trabalho e o Departamento de Estradas e Rodagens do Rio Grande do Norte, na capital potiguar.

O 2º Batalhão de Engenharia de Combate - Batalhão Borba Gato e a 11ª Companhia de Engenharia de Combate Leve - Companhia Barão de Pindamonhangaba descontaminaram as instalações e equipamentos do Centro de Instrução de Aviação do Exército, em Taubaté, em São Paulo. Em Mato Grosso do Sul, a 4ª Companhia de Engenharia de Combate Mecanizada fez descontaminações no município de Jardins.

Já em Corumbá, no Mato Grosso do Sul, mais de 30 militares da Marinha do Brasil e do Exército Brasileiro, capacitados em Defesa Nuclear, Biológica, Química e Radiológica, descontaminaram o Posto Fiscal Lampião Aceso, oferecendo mais segurança e tranquilidade à população.

No Centro da cidade do Rio de Janeiro, por meio do Comando Conjunto Leste, foi realizada desinfecção no abrigo de idosos Hotel Girassol.

Operação COVID-19

O Ministério da Defesa ativou, em 20 de março, o Centro de Operações Conjuntas, para atuar na coordenação e no planejamento do emprego das Forças Armadas no combate à COVID-19. Nesse contexto, foram ativados dez Comandos Conjuntos, que cobrem todo o território nacional, além do Comando Aeroespacial (COMAE), de funcionamento permanente. A iniciativa integra o esforço do governo federal no enfrentamento à pandemia que recebeu o nome de Operação COVID-19.

As demandas recebidas pelo Ministério da Defesa, de apoio a órgãos estaduais, municipais e outros, são analisadas e direcionadas aos Comandos Conjuntos para avaliarem a possibilidade de atendimento. De acordo com a complexidade da solicitação, tais demandas poderão ser encaminhadas ao Gabinete de Crise, que determinará a melhor forma de atendimento.

Ordem do Dia - Aniversário de 21 anos do Ministério da Defesa


Fernando Azevedo E Silva | Publicada em 09/06/2020 19:12

O Ministério da Defesa (MD) chega ao seu 21º aniversário, mas a memória da nossa Pasta é centenária. Desde a criação da Marinha e do Exército, em 1822, e da Força Aérea, em 1941, as Forças Armadas do Brasil cumprem o seu propósito de manter a paz e a estabilidade para que os brasileiros possam escolher como construir as suas vidas.

O Brasil adentrou o século XXI com uma nova estrutura para sua defesa. A criação do MD, em 1999, possibilitou maior integração entre as três Forças Armadas e contribuiu para o desenvolvimento de uma nova percepção doutrinária de operações conjuntas. O Ministério consolidou a relação entre civis e militares, que trabalham juntos para expandir os potenciais de defesa, modernizar nossos meios e manter a capacidade de dissuasão do Brasil.

Formamos parcerias com nações amigas para desenvolver projetos estratégicos, com prioridade para a autonomia tecnológica e o fortalecimento da nossa Base Industrial de Defesa.

Sob a coordenação do Ministério da Defesa, a Marinha do Brasil, o Exército Brasileiro e a Força Aérea Brasileira emprestam suas competências no apoio aos órgãos federais e aos governos estaduais e municipais em múltiplas tarefas. O patrulhamento das fronteiras, o combate ao narcotráfico e ao contrabando, a garantia da lei e da ordem nos centros urbanos e no combate aos ilícitos ambientais na Amazônia são exemplos mais evidentes. Além disso, empresta ajuda às ações humanitárias de acolhimento de imigrantes, à busca e ao salvamento de vítimas de desastres, e à Justiça Eleitoral durante as eleições. Também cruzamos nossas fronteiras em missões de paz pelo mundo, levando humanidade aos que precisam.

O Projeto Rondon promove o engajamento dos universitários com as diferentes realidades sociais e culturais do País. O Calha Norte amplia a presença do Estado nas fronteiras para a defesa e a integração nacional. Com os olhos voltados para o futuro, apostamos em nossos jovens induzindo a cultura desportiva, com o Programa Forças no Esporte. Ajudamos a preparar atletas de alto rendimento em competições internacionais com reconhecido sucesso. Mudamos vidas e levamos esperança para milhares de famílias brasileiras.

Essa é uma oportunidade de reverenciar os que nos antecederam e nos legaram um patrimônio relevante de credibilidade das Forças Armadas, que foi construído com entregas discretas em todos os recantos do Brasil. Uma construção feita com o cuidado insistente, para fazer parte das soluções.

Seguimos esse mesmo modelo nas três operações que hoje estão em andamento: a ajuda na contenção da COVID-19, que envolve mais de 30 mil militares das Forças Armadas; a Operação Verde Brasil 2, empenhada no combate aos ilícitos ambientais no ambiente amazônico; e a Operação Acolhida, que recebe e ajuda milhares de imigrantes venezuelanos necessitados que se deslocam para o Brasil.

Por fim, agradecemos os servidores civis e militares do Ministério da Defesa pelos resultados do seu empenho. Alguns deles são distinguidos hoje com a Ordem do Mérito da Defesa em reconhecimento aos serviços relevantes que nos prestaram. Eles são o nosso maior exemplo.

Muito obrigado.