NOTIMP - NOTICIÁRIO DA IMPRENSA

Capa Notimp Acompanhe aqui o Noticiário relativo ao Comando da Aeronáutica veiculado nos principais órgãos de comunicação do Brasil e até do mundo. O NOTIMP apresenta matérias de interesse do Comando da Aeronáutica, extraídas diretamente dos principais jornais e revistas publicados no país.


PORTAL G-1


Petrópolis, RJ, celebra Dia da Aviação e do Aviador com visita à Encantada

Data é comemorada nesta quinta-feira (23); entrada é gratuita. Museu Casa de Santos Dumont receberá visitantes com atrações.

Do G1 Região Serrana

Em Petrópolis, na Região Serrana do Rio, o Dia da Aviação e do Aviador, celebrados nesta quinta-feira (23), é comemorado com visitação gratuita ao Museu Casa de Santos Dumont – A Encantada. Moradores e visitantes podem conhecer o chalé de veraneio do inventor, conhecido como o “pai da aviação”, e ainda ser recepcionados pelo “próprio” Santos Dumont, interpretado pelo ator Sylvio Costa Filho, em uma performance teatral.

A visita à Encantada com monitoramento começou às 9h e pode ser feita até as 17h. O passeio guarda muitas surpresas, pois cada recanto da casa revela a criatividade do inventor, que idealizou todos os detalhes e desenvolveu o projeto arquitetônico juntamente com o engenheiro Eduardo Pederneiras. Além dessas descobertas, o visitante também pode assistir a um vídeo em que Santos Dumont (interpretado pelo mesmo Sylvio) conta sua vida, seus sonhos e o desenvolvimento de suas invenções.
saiba mais

Para as crianças, existem projeções programadas de um curta-metragem de animação, o “Albertinho”, produzido em 2006 pelo Instituto Marlin Azul, em parceria com escolas públicas do estado do Espírito Santo, e atividades lúdicas no Centro Cultural 14 Bis, anexo à Encantada. Além de se divertirem, elas vão receber de presente um jogo da memória com imagens dos museus da cidade, além de uma réplica de balão dirigível, feita com garrafas pet pelos próprios funcionários do Museu e Centro Cultural.

As atrações são promovidas pelo projeto Museu Vivo, lançado neste ano pelo segmento de museus do Conselho Municipal de Cultura, que procura divulgar a memória e a história do município de Petrópolis, representada e preservada pelos seus Museus. A comemoração é promovida pela Prefeitura, por meio da Fundação de Cultura e Turismo.

 

MINISTÉRIO DA DEFESA


Dias do Aviador e da Força Aérea Brasileira são comemorados na capital federal


No dia 23 de outubro, além de ser lembrado o Dia do Aviador, também é comemorado o Dia da Força Aérea Brasileira (FAB), data considerada a mais importante da instituição. Por isso, nesta quinta-feira (23), foi realizada uma cerimônia na Base Aérea de Brasília (DF), que contou com as presenças do ministro da Defesa, Celso Amorim, e dos comandantes da Marinha, almirante Julio Soares de Moura Neto, do Exército, general Enzo Peri, e da Aeronáutica, brigadeiro Juniti Saito.

Em mensagem da presidenta da República, Dilma Rousseff, lida na solenidade, foi destacada a recente apresentação do protótipo do KC-390 – maior aeronave já fabricada no Brasil. De acordo com Dilma, o projeto de produção do KC-390 contribui para o desenvolvimento do país e é símbolo de avanço tecnológico. “Estamos fortalecendo a nossa indústria aeronáutica”, disse ela, lembrando dos caças suecos Gripen NG, que também serão produzidos no país com forte participação das empresas nacionais de defesa.

A cerimônia foi presidida por Celso Amorim e marcou a imposição da medalha da Ordem do Mérito Aeronáutico. A comenda é entregue a militares das Forças Armadas nacionais e estrangeiras, e a civis que tenham prestado notáveis serviços ao país e, em especial, à FAB. No local da cerimônia, réplicas dos aviões 14 Bis e Demoiselle, ambos inventados por Alberto Santos Dumont, roubaram a cena do pátio de formatura.

Ficou a cargo do ministro da Defesa agraciar os estandartes das organizações homenageadas com a insígnia: Centro de Instrução e Adaptação da Aeronáutica, Primeira Força Aérea, Instituto Tecnológico de Aeronáutica, 1º Esquadrão de Helicópteros de Instrução da Marinha e 1º Batalhão de Comunicações de Selva do Exército. No total, 190 personalidades receberam o distintivo, entre elas, o comandante da Força Aérea da Suécia, major general Micael Bydén.

Criada pelo decreto 5.961, de 1º de novembro de 1943, e regulamentada pelo decreto 3446, de 4 de maio de 2000, a Ordem do Mérito Aeronáutico é concedida nos graus de grã-cruz, grande-oficial, comendador, oficial e cavaleiro.

A cerimônia

No evento desta quinta-feira (23), o ministro da Defesa foi recebido com honras militares pelo comandante da Base Aérea de Brasília, coronel aviador Avelar Konrad. Em seguida, Amorim dirigiu-se ao palanque, de onde assistiu toda a solenidade ao lado dos comandantes das três Forças Armadas.

Em ordem do dia, o brigadeiro Saito citou algumas aeronaves que fizeram parte da história da aviação, como o C-95 Bandeirantes, o C-97 Brasília, o A-1 AMX, o A-29 Super Tucano e os Embraer. Durante a formatura militar, caças A-1 sobrevoaram o local.

“Estejam certos de que os principais projetos da Força – sejam ligados à área operacional, ao controle do espaço aéreo, à gestão administrativa ou ao amparo de recursos humanos – somente têm sido viabilizados pelas abnegadas contribuições diárias de cada um dos senhores e senhoras”, falou o comandante da FAB. E acrescentou: “Continuemos, lado a lado, com os irmãos da Marinha e do Exército, unindo os pontos cardeais na garantia da soberania do território”.

A cerimônia terminou com desfile da tropa ao som da Canção do Expedicionário e do Hino dos Aviadores.

 

PORTAL EXAME.COM


Conheça a tecnologia do KC-390, o mais novo avião da Embraer


São Paulo – Nesta semana, a Embraer exibiu o protótipo do seu avião KC-390. Ele é a maior aeronave fabricada aqui no Brasil. Na apresentação oficial, o Ministro da Defesa, Celso Amorim, afirmou que ele poderá servir como substituto para o modelo Hercules. O Hercules é um dos aviões militares de carga mais utilizados no mundo e é fabricado pela empresa americana Lockheed Martin.

O KC-390 é um avião de carga desenvolvido com alta tecnologia. Ele usa turbinas Turbofan, que garantem uma maior velocidade de cruzeiro. Em comparação, o C130-Hercules usa sistema turbohélices. A velocidade máxima do Hercules é de 621 km/h. Já o KC-390 deverá alcançar 850 km/h.

O KC-390 é um gigante. Ele tem 35 metros de comprimento e 35 metros de envergadura. Sua altura será de 12,5 metros. Ele poderá carregar até 23 toneladas de carga.

Ele foi desenvolvido pela Embraer em parceria com a Força Aérea Brasileira (FAB). A empresa o desenhou a partir das necessidades da FAB e participou de missões para analisar o fluxo de trabalho.

A tecnologia do KC-390 faz com que ele seja versátil. Ele poderá ser usado nas missões brasileiras na Antártida e em regiões tropicais. Ele deverá também ser usado no combate a incêndios florestais.

O KC-390 terá sistema duplo HUD (Heads-up Display), que projeta informações à frente dos pilotos. Uma câmera na cabine combinará a visão do piloto com as informações do sistema HUD para revisão de missões. Terá, ainda, tecnologia militar de autoproteção contra misseis.

O avião será usado em missões de reabastecimento de aeronaves em voo, transporte de veículos, ajuda humanitária, lançamento de paraquedistas, lançamento de carga e como UTI móvel.

Portugal, Chile, Argentina, Colômbia, República Checa e Suécia já mostraram intenção de comprar a aeronave da Embraer.

 

PORTAL UOL


Sete segredos que os pilotos de avião não costumam confessar


 Por que não tomam café, com que frequência se esquecem de apagar a luz do cinto de segurança... Reunimos todos os acessos de sinceridade que eles tiveram pela rede

"Boa tarde, aqui fala o comandante."

Estamos acostumados a que, na metade de um voo, o responsável a bordo se dirija a nós com essa frase, que geralmente costuma estar longe do que na realidade passa pela cabeça de quem pilota o avião. Mas, e se os pilotos pudessem realmente nos dizer o que pensam, além dos comentários graciosos sobre como está o clima em nosso lugar de destino?

Os segredos dos pilotos, pessoal de bordo e outros profissionais do ramo já não são tão confidenciais desde que existe a internet e desde que, em diversos fóruns, como Reddit e Quora, ou em blogs como Ask the Pilot, germe do livro de Patrick Smith, "Cockpit Confidential", muitos dos que se dedicam a nos transportar pelas nuvens publicam suas intimidades. Ocupem seus lugares para descobrir algumas das mais chamativas.

1. O sinal do cinto de segurança não é sua maior prioridade

"Esquecemos do sinal de apertar o cinto de segurança com frequência. Apesar de às vezes ficar aceso durante 45 minutos, simplesmente nos esquecemos dele. Alguns pilotos inclusive deixam o sinal de apertar o cinto durante todo o voo", conta um piloto anônimo no fórum de perguntas e respostas Quora.

2. As turbulências lhes parecem relativas

Patrick Smith afirma em Ask the Pilot que, na realidade, o avião quase não se desloca de sua rota quando cruza turbulências. "A maioria dos acidentes ocorre na decolagem e na aterrissagem", contava um usuário de Quora ao longo desse comentário. "O avião não vai cair quando atravessa céus agitados", conclui. Melhor.

3. Não tomam café

O mesmo piloto anônimo que confessava sua má prática com o cinto de segurança também oferecia em Quora um conselho que, a partir de agora, muitos saberão apreciar: é melhor não provar o café que se serve a bordo. As razões? O piloto conta que a água potável servida no avião "é péssima", já que é tratada com produtos químicos para prevenir que "floresçam coisas feias. O mau sabor do café não é do café, são esses produtos químicos".

4. No pior dos casos, ainda há 15 minutos de oxigênio

Em Reddit, um piloto explicou que a máscara de oxigênio com que conta cada passageiro no caso de despressurização da cabine só tem capacidade para oferecer 15 minutos de oxigênio. É o tempo de que o piloto precisa para baixar até uma altitude em que os passageiros possam respirar sem complicações.

5. Costumam ser atingidos por raios

Pelo menos uma vez por ano um avião sofre os efeitos dos raios. "Meu pai foi piloto durante 20 anos, e ao que parece, os aviões são sacudidos por relâmpagos o tempo todo", conta um usuário do Reddit. Ele não explica que os aviões estão preparados para esse tipo de incidente.

6. Levam muito a sério o cardápio de bordo

Na hora da comida, o piloto e o copiloto recebem cardápios diferentes e é proibido dividir os pratos. Essa norma deve ser cumprida à regra pelo bem de todos: no caso de um deles se sentir mal, o outro estaria em condições de continuar o voo. No Reddit também indicam que geralmente é proibido levar a comida que sobra, mesmo que às vezes façam vista grossa, como rebate um usuário online.

7. Não é preciso desligar os celulares no voo

A partir de 2014, não é preciso que desliguemos os telefones celulares quando voamos, mas parece que, na realidade, isso nunca foi necessário. Eles são muito incômodos, pois provocam interferências no sistema de controle do piloto. Ou, pelo menos, no caso de todos os passageiros começarem a enviar mensagens. Em Quora, um usuário afirma que inclusive os pilotos usam seus telefones quando sua via de comunicação não funciona.

 

No Dia do Aviador, planador que deu volta ao mundo é exposto em museu de SP


O Museu TAM, mantido pela companhia aérea brasileira em São Carlos, no interior de São Paulo, incorporou ao seu acervo dois aviões brasileiros históricos: o motoplanador Ximango e o planador Colibri.

O anúncio foi feito nesta quinta-feira (23), data em que se comemora o Dia do Aviador.

O Ximango é um motoplanador (um planador com um motor usado principalmente para as decolagens) que deu a volta ao mundo, em 2001. O modelo é produzido em fibra de vidro pela Aeromot, no Rio Grande do Sul, e teve a pintura original e algumas de suas peças restauradas pelo museu.

O planador Colibri, cedido em comodato pelo Aeroclube de Bauru (SP) em janeiro deste ano, foi construído no Brasil pelo engenheiro mecânico Hendrich Kurt, no fim da década de 1930. O avião exposto também foi restaurado por profissionais do museu.

 

PORTAL BRASIL


Autoridades recebem Ordem do Mérito Aeronáutico

Ministro de C&T, Clélio Campolina, e secretário executivo, Alvaro Prata, foram condecorados nesta quinta (23), em Brasília (DF)

O ministro da Ciência, Tecnologia e Inovação, Clelio Campolina Diniz, e o secretário executivo da pasta, Alvaro Prata, receberam nesta quinta-feira (23), na Base Aérea de Brasília (DF), a medalha da Ordem do Mérito Aeronáutico, principal condecoração da Força Aérea Brasileira (FAB).

Na solenidade, o comandante da Aeronáutica, Juniti Saito, destacou o lançamento do protótipo da aeronave de transporte militar KC-390, desenvolvido na linha de montagem da Embraer em Gavião Peixoto (SP). Ele mencionou também a participação de Portugal na produção de componentes do veículo, por meio da fábrica da companhia em Évora.

O comandante ainda falou a respeito do programa de compra do futuro caça da FAB, Gripen NG, cuja transferência de tecnologia vem sendo mediada pelo Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI) desde fevereiro.

"Esperamos com a mesma expectativa que, em mais alguns poucos anos, seja a nossa aguardada e inovadora aeronave Gripen NG a protagonizar similar evento, materializando os frutos de outra vitoriosa cooperação entre nações amigas – a Suécia e o Brasil", disse o comandante.

Após receber a medalha, Campolina saudou a Aeronáutica e Embraer pelo "trabalho conjunto no desenvolvimento de tecnologia nacional numa área vital para o futuro do país e da humanidade".

Homenagem

Instituída em 1943, a Ordem do Mérito Aeronáutico reconhece serviços prestados à aviação nacional por instituições ou personalidades civis e militares, brasileiras ou estrangeiras, e premia oficiais de seu quadro efetivo.

A cerimônia celebra o Dia do Aviador, estabelecido por ser a data em que Alberto Santos Dumont realizou o primeiro voo com o avião 14 Bis, em 23 de outubro de 1906.

O ministro Campolina recebeu a distinção no grau de grande-oficial, ao lado dos ministros do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, Mauro Borges, e da Integração Nacional, Francisco Teixeira.

Também foram condecorados o ministro-chefe interino da Secretaria de Assuntos Estratégicos da Presidência da República, Marcelo Neri, e Alvaro Prata, no grau de comendador. Ao todo, a FAB homenageou nesta quinta-feira 188 pessoas, distribuídas por cinco níveis.

 

Agência Nacional de Aviação Civil comemora dia do Aviador


Nesta quinta-feira, dia 23 de outubro, é comemorado o Dia do Aviador. Devido a data comemorativa, a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) emitiu uma nota parabenizando os profissionais.

Confira a nota abaixo:

Homenagem da Anac aos aviadores brasileiros

A Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) parabeniza todos os aviadores do Brasil pelo Dia do Aviador, 23 de outubro, e reconhece a importância desses profissionais para a aviação brasileira.

A dedicação demonstrada no dia a dia pelos aviadores contribui de forma decisiva para que tenhamos um transporte aéreo cada vez mais seguro e eficiente.

A data escolhida para a celebração remete ao primeiro voo de Alberto Santos-Dumont em uma aeronave mais pesada que o ar, realizado em 23 de outubro de 1906 no Campo de Bagatelle, em Paris, França.

Parabéns, aviador!

Força Aérea distribui urnas em 20 localidades no Acre

Em todo estado, helicópteros da FAB chegam a diversos locais de difícil acesso, como seringais, aldeias indígenas e comunidades ribeirinhas

A Força Aérea Brasileira distribui urnas eleitorais em 20 localidades do Acre nesta quinta-feira (23). A região fica entre as cidades de Cruzeiro do Sul e a capital Rio Branco.

Durante a missão, estão sendo empregados dois helicópteros H-60 Black Hawk da FAB. Um deles já realizou, nos últimos três dias, o transporte de 24 urnas eletrônicas e de mais de 60 mesários, policiais civis e policiais militares, para dez localidades do estado.

O Acre possui 42 locais de votação em áreas de difícil acesso, como seringais, aldeias indígenas e comunidades ribeirinhas.

As comunidades Icuriã 78 e Icuriã 79, por exemplo, são seringais que ficam isolados em meio à selva amazônica ocidental.

Os helicópteros Black Hawk partiram da cidade mais próxima, Assis Brasil, na fronteira com a Bolívia, para levar 15 mesários e quatro urnas.

A distância de 70 km de estrada em meio à selva foi vencida por apenas 15 minutos de voo. “Essas comunidades são de acesso limitado. Dificilmente vai carro”, explica o chefe do posto eleitoral de Assis Brasil, Jair Jerônimo Evaristo.

De acordo com ele, as duas seções reúnem cerca de 400 eleitores que não podem ir até a cidade para votar. “Não tem como vir para cá nessa época. Só de helicóptero mesmo”, explica antes do embarque.

Um pouco antes do pouso, durante a aproximação, é possível avistar algumas casas numa clareira. É necessário fazer uma passagem para certificar se é a localidade designada e qual a melhor área para o pouso.

O único espaço disponível é uma área de terra. Ao descer, o giro das pás fez a poeira subir.

Foram apenas cinco minutos em solo, tempo suficiente para as sete pessoas e as duas urnas deixarem o helicóptero. “É tudo muito rápido para conseguirmos atender a todas as localidades. Tem que otimizar ao máximo o tempo e a autonomia da aeronave”, explica o mecânico da tripulação, Suboficial João Henrique de Farias Coelho.

 

JORNAL ZERO HORA


RS amplia plano contra casos suspeitos de ebola

Atenção será maior em municípios considerados principais pontos de entrada de viajantes no Estado, como a Capital e cidades da Fronteira

Laura Schenkel

A Secretaria Estadual da Saúde reuniu ontem mais de cem técnicos das vigilâncias regionais e alguns municípios no primeiro encontro organizado para disseminar informações sobre o plano de enfrentamento e prevenção ao vírus ebola, que já causou mais de 4,5 mil mortes na África.

A atenção maior foi em relação às cidades consideradas principais pontos de entrada de viajantes: Porto Alegre, por conta do aeroporto Internacional Salgado Filho, Rio Grande, pelo porto, e cidades da chamada fronteira seca: São Borja, Jaguarão, Santana do Livramento e Chuí. O principal objetivo é saber identificar casos suspeitos e quais medidas adotar.

– Se tem anormalidade clínica no avião, o comandante aciona a torre de comando do aeroporto, que informa o posto da Anvisa. A aeronave desce em uma área remota e se verifica se é realmente um caso suspeito. Se é alguém apresentando os sintomas, proveniente de Guiné, Libéria ou Serra Leoa, será isolado dentro do avião e transportado para o hospital estadual de referência, o Conceição, ou para o Rio de Janeiro – explicou Marilina Bercini, responsável técnica da secretaria pelo plano de contingência no Estado.

Além disso, quem entrou em contato imediato com um caso suspeito será acompanhado por 21 dias para evitar a transmissão autóctone, isto é, dentro do Brasil. Há, ainda, a hipótese de a pessoa entrar no país ou no Estado no período de incubação e desencadear a doença depois. Por isso, o plano de ação prevê detecção precoce, isolamento, transporte seguro, transferência de pacientes e avaliação de comunicantes nacionais.

 

JORNAL DO SENADO


Crédito destina R$ 145,6 milhões para aeroportos


Aguarda análise da Comissão Mista de Orçamento (CMO) o PLN 19/2014, que abre crédito especial de R$ 145,6 milhões para investimentos em 19 aeroportos controlados pela Infraero. Depois de passar pela comissão, o projeto terá de ser analisado pelo Congresso.

Segundo a Secretaria de Aviação Civil, esses recursos serão usados, por meio do Fundo Nacional da Aviação Civil, em empreendimentos que integram o Programa de Aceleração do Crescimento (PAC). O dinheiro servirá para aquisição de equipamentos e modernização da infraestrutura aeroportuária, como ampliação da capacidade operacional de aeroportos, terminais de passageiros, pátios e pistas e telecomunicações aeronáuticas, entre outros usos.

Receberão recursos o Aeroporto Santa Maria, em Aracaju; o Aeroporto Antônio João, em Campo Grande; o Aeroporto Val de Cans, em Belém; os Aeroportos Carlos Prates e da Pampulha, em Belo Horizonte; o Aeroporto Atlas Brasil Cantanhede, em Boa Vista; o Aeroporto Bartolomeu Lysandro, em Campos dos Goytacazes (RJ); o Aeroporto de Congonhas, em São Paulo; o Aeroporto Castro Pinto, em João Pessoa; e o Aeroporto Zumbi dos Palmares, em Maceió.

Também serão beneficiados o Aeroporto Augusto Severo, em Natal; o Aeroporto Brigadeiro Lysias Rodrigues, em Palmas; o Aeroporto Jorge Teixeira de Oliveira, em Porto Velho; o Aeroporto Plácido de Castro, em Rio Branco; os Aeroportos de Jacarepaguá e Santos Dumont, no Rio de Janeiro; os Aeroportos Campo de Marte e de Guarulhos, em São Paulo; e o Grupamento de Navegação Aérea de Carolina (MA).

 

OUTRAS MÍDIAS


NEGOCIOS ON LINE (PORTUGAL)


Portugal quer comprar seis KC-390

Portugal está a participar na construção do novo avião militar da Embraer, um investimento total de 4,6 mil milhões de reais (1,4 mil milhões de euros). E agora já confirmou que quer comprar seis aeronaves, confirmou ao Negócios fonte oficial da fabricante brasileira.

A Embraer lançou, nesta terça-feira, o cargueiro militar KC-390, numa apresentação que foi feita em Gavião Peixoto, em São Paulo, onde o modelo está a ser produzido. A fabricante brasileira já.

 

O DIÁRIO.COM (PR)


Justiça Federal vai convocar moradores para desapropriações da face norte do entorno do aeroporto de Londrina

O presidente do Instituto de Desenvolvimento de Londrina (Codel), Bruno Veronesi, informou que os recursos serão liberados em três parcelas de R$ 10 milhões. "Agora é a fase de convocar os vários proprietários das áreas para apresentar o valor das avaliações feitas e começar a definir esses acordos, que deverão ser amigáveis", disse à rádio Paiquerê AM.

O município encontrava dificuldades financeiras em garantir as desapropriações, o que impedia a entrega dos terrenos para que a Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero) ampliasse a pista de pouso e instalasse o ILS, equipamento que vai garantir condições de voos em dias de tempo instável e neblina.

Além de começar as compras dos imóveis da face norte, o município finaliza o recolhimento dos entulhos das desapropriações da face sul. Nessa área também resta o Tiro de Guerra, que precisa ser retirado para que a Infraero construa um novo muro.

O projeto da prefeitura é entregar os 30 mil m² que vão sobrar do Tiro de Guerra para uma empresa implantar comércios, tendo como contrapartida a construção de uma nova sede para o Exército. A administração ainda não divulgou quando deve lançar o edital para buscar essa empresa.

A Justiça Federal deve iniciar a convocação dos moradores de imóveis da face norte do entorno Aeroporto José Richa para negociar as desapropriações. Com a liberação do empréstimo de R$ 30 milhões pelo governo do Estado, a Prefeitura de Londrina já possui os recursos necessários para adquirir os cerca de 50 terrenos, 33 deles na zona urbana e os demais na zona rural.

 

CAPITAL NEWS (MS)


Dia do Aviador é comemorado na Base Área de Campo Grande

Em comemoração ao dia do Aviador e Dia da Força Aérea Brasileira, a Base Aérea de Campo Grande, realizou na manhã desta quinta-feira (23) uma cerimônia solene com a participação do efetivo de 1.500 militares da organização, além de autoridades militares e políticas entre eles o prefeito de Campo Grande, Gilmar Olarte (PP).

De acordo com o tenente-coronel aviador, Newton de Abreu, na comemoração dos 70 anos da Base Aérea, o destaque fica por conta da inovação do setor tecnológico da instituição, principalmente com aquisições de aeronaves. Outra novidade, é o projeto em parceria com a Suécia que prevê a fabricação de um caça Gripen-NG, que deve ser construído em solo brasileiro e a compra da aeronave KC 390, produzida no Brasil.

Durante a cerimônia foram feitas homenagens entre elas foi entregue o título de Amigos da Base Aérea a personalidades que se destacaram no apoio e amizade a Instituição e o título de membro honorário aos que prestaram serviços fortaleceram a Base Aérea na Capital.