COVID-19

Instalações do Instituto Tecnológico de Aeronáutica passam por desinfecção

A atividade faz parte das ações planejadas para o retorno às aulas presenciais
Publicado: 30/07/2020 16:48
Imprimir
Fonte: ITA, por Capitão Fábio Cox
Edição: Agência Força Aérea - Revisão: Tenente-Coronel Santana

Com o objetivo de diminuir as possibilidades de transmissão do novo Coronavírus, o Comando Conjunto Sudeste (CCSE) coordenou a atuação do 1º Batalhão de Defesa Química, Biológica, Radiológica e Nuclear (1º Btl DQBRN) na desinfecção do Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA), localizado em São José dos Campos (SP), no início deste mês de julho.

A atividade faz parte das ações planejadas para o retorno de 128 alunos do primeiro ano às aulas presenciais, em 16 de agosto, traçadas pelo Comitê de Risco e Combate ao Coronavírus do ITA, criado com a finalidade de assessorar o Conselho da Reitoria (CR) nas ações de prevenção contra a contaminação e disseminação da COVID-19. Na ocasião, foram desinfectadas as áreas de uso comum pelos alunos.

“Inicialmente, estamos trazendo os alunos do primeiro ano. As salas de aula foram adaptadas com maior distância entre as mesas e serão disponibilizadas máscaras tipo “face shield” e álcool em gel. Os alunos e demais servidores estarão orientados quanto às regras sanitárias e de distanciamento social, de tal forma que estaremos preparados para a minimização dos riscos de contágio de acordo com as normas vigentes”, afirmou o Pró-Reitor de Administração do ITA, o Coronel Aviador Luiz dos Santos Alves.

O retorno dos demais alunos ainda não tem data definida, em função da pandemia, tendo em vista que o distanciamento social é uma medida preventiva para evitar a aglomeração que seria provocada pelo retorno de todos os alunos na mesma data.

Além dessa ação profilática de desinfecção realizada pelo 1º Btl DQBRN, do Exército Brasileiro (EB), a estratégia estabelecida pelo Comitê prevê, dentre outras, apoio aéreo da Força Aérea Brasileira (FAB) para transporte de alunos, testagem para COVID-19, respeito às normas de higienização e distanciamento social, realização de quarentena, aulas teóricas online, aulas práticas em grupos reduzidos, restrição a saídas da área do Instituto e controle de sintomas.

Comando Conjunto Sudeste

O Comando Conjunto Sudeste é um Centro de Operações composto pela Marinha do Brasil, Exército Brasileiro e Força Aérea Brasileira, que gerencia as missões das Forças Armadas em São Paulo em apoio à Operação COVID-19. O CCSE foi criado junto a nove outros Comandos Conjuntos, distribuídos pelo território nacional, com o objetivo de coordenar o emprego das Forças Armadas no estado de São Paulo no combate à pandemia causada pelo vírus SARS-CoV-2.

Desde o início de sua atuação, em março deste ano, o Comando Conjunto Sudeste já realizou cerca de 500 desinfecções em espaços públicos na sua área de abrangência.

Fotos: Major Erick/ITA e Sargento Peterson/DCTA