VALORIZAÇÃO

Comando da Aeronáutica publica Diretriz sobre a efetivação do termo “Veterano”

De acordo com a DCA 11-127, divulgada nesta segunda-feira (17), os inativos passam a ser tratados como “Veteranos”
Publicado: 18/02/2020 18:42
Imprimir
Fonte: Agência Força Aérea, por Aspirante Flávia Rocha
Edição: Agência Força Aérea, por Tenente Jonathan Jayme - Revisão: Tenente-Coronel Santana

A Força Aérea Brasileira (FAB) publicou, nesta segunda-feira (17), a Diretriz do Comando da Aeronáutica (DCA) Nº 11-127/2020, que tem por objetivo estabelecer os procedimentos e responsabilidades para a efetivação do termo “Veterano” no âmbito do Comando da Aeronáutica. A medida visa à valorização dos profissionais que dedicaram suas vidas e contribuíram com árduo trabalho ao longo da história da Instituição.

De acordo com o documento, publicado em Boletim do Comando da Aeronáutica (BCA), a palavra “Veterano” refere-se a todos os militares que se encontram na situação de inatividade. Contextualiza, ainda, que o “Veterano” é comumente utilizado para designar alguém experiente e, especificamente no meio militar, uma pessoa que serviu por muitos anos nas Forças Armadas. "Em diversos países, o termo representa o pessoal da reserva ou reformado. A palavra também se aplica ao meio civil, com a conotação de uma pessoa experiente ou de notório saber”, acrescenta.

A Diretriz divulga, também, um cronograma de ações para os próximos meses. Entre outras atividades, está prevista a publicação de Portaria instituindo 16 de julho como o “Dia do Veterano da Força Aérea Brasileira”. Essa data foi escolhida por ser emblemática para a FAB, pois marca o retorno dos Veteranos que lutaram na Itália. Dessa forma, segundo a DCA 11-127/2020, esse dia foi escolhido “não apenas para homenagear aqueles que atuaram durante a 2° Guerra Mundial, mas também para reconhecer a contribuição de todos os integrantes da FAB que deixaram o serviço ativo, desde a sua criação até os dias atuais”.

Clique aqui para ler a DCA 11-127/2020 na íntegra.