EDUCAÇÃO

Escola Preparatória de Cadetes do Ar promove a XVII Feira do Conhecimento

Durante dois dias, EPCAR recebeu visitantes de Barbacena (MG) e região
Publicado: 24/10/2019 18:03
Imprimir
Fonte: EPCAR, por Sargento Júlio Fonseca
Edição: Agência Força Aérea, por Tenente Jonathan Jayme - Revisão: Tenente-Coronel Santana

A Escola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR), sediada em Barbacena (MG), realizou, nos dias 18 e 19 de outubro, a XVII Feira do Conhecimento, tendo como objetivo despertar nos alunos a busca de novos conhecimentos por meio da pesquisa e da cooperação. O espaço foi aberto ao público e contou com a presença de moradores da cidade e região, com destaque para a visitação de alunos de escolas das redes pública e privada, do município e de cidades vizinhas.

A Feira do Conhecimento, organizada pela Divisão de Ensino da Escola, é o maior evento acadêmico da EPCAR e, nesta edição, passou por modificações para que os objetivos pedagógicos propostos fossem plenamente atingidos. Por meio de visitas, participações e orientações do Diretor de Ensino da Aeronáutica, Major-Brigadeiro do Ar Rui Chagas Mesquita, uma nova abordagem foi implementada, para que professores e alunos pudessem desenvolver os mais diversos temas, apresentando aos visitantes trabalhos que expressem a qualidade de ensino da Escola.

Durante os dois dias de apresentação, os visitantes puderam acompanhar palestras, quiz, itinerários do conhecimento, apresentações culturais, realizar visitação aos trabalhos interdisciplinares produzidos pelos alunos, sob a coordenação de professores e militares do efetivo, além de clubes temáticos.

Para a Coordenadora do Corpo Docente, professora Aline da Costa Nascimento, este é um ótimo momento para que os alunos coloquem em prática os conhecimentos adquiridos em sala de aula, instigando o envolvimento em assuntos que valorizem a sua formação acadêmica e pessoal. “A Feira busca agregar aquilo que há de mais moderno das metodologias de ensino, de competências e habilidades que buscamos desenvolver em nossos alunos para o mundo do trabalho, para o que ele precisará em sua vida futura como cadete da Força Aérea Brasileira [FAB]”, completou.

Para o Chefe da Divisão de Ensino da EPCAR, Coronel Aviador Mauro Henrique Monsanto da Fonseca e Souza, a presença de estudantes de outras instituições de ensino promove um intercâmbio acadêmico entre os alunos, valorizando a qualidade dos trabalhos. “A Feira acontece anualmente e proporciona o desenvolvimento de várias competências e habilidades em nossos alunos. Contamos com a presença da população barbacenense e da região, enfatizando que a participação de alunos dos ensinos fundamental e médio proporciona um intercâmbio de conhecimentos e experiências nesse ramo acadêmico”, destacou.

Nova experiência

Para a jovem Tamyres Ferraz Neiva, de 16 anos, aluna da Escola Estadual Dr. Celso Machado, da cidade de Visconde do Rio Branco (MG), a Feira do Conhecimento é uma excelente oportunidade para que os alunos de outras escolas possam ter acesso ao excelente nível de ensino que é praticado na Escola Preparatória. “Levo uma impressão ótima da Feira do Conhecimento da EPCAR, onde tudo está muito bem estruturado e a apresentação é bem diferente das convencionais. A comunicação dos alunos com os visitantes é algo que me chamou muito a atenção, além da qualidade de todos os trabalhos que estão sendo expostos”, concluiu.

“Acho estas propostas muito interessantes, pois os projetos e pesquisas que foram desenvolvidos e apresentados pelos alunos da EPCAR nos mostram a possibilidade de melhorias no aprendizado”, frisou o aluno Abbedo Viol Lisboa, de 14 anos, que, atualmente, cursa o 9° ano do ensino fundamental no Instituto Maria Imaculada – Colégio Salesianas, em Barbacena.

Temas

Para esta edição, os trabalhos apresentados estavam enquadrados em temas nas áreas de “Ciências Exatas e da Natureza” e “Ciências Humanas e Linguagens”. A inclusão também esteve presente, com destaque para o projeto intitulado “Surdos: estrangeiros no próprio país”, que apresentou a realidade dos deficientes auditivos no Brasil e explicou as estruturas da Língua Brasileira de Sinais (LIBRA) e suas particularidades.

A visitação da Associação de Surdos de Barbacena à Feira foi acompanhada pelo Aluno da EPCAR, Giovanne Azuirson Santos Rodrigues, que mostrou os trabalhos utilizando sinais em LIBRA.

No total, foram apresentados 12 trabalhos interdisciplinares e mais cinco clubes temáticos. Ocorreu também uma campanha para adoção de cachorros, além de um estande que proporcionou aos presentes a oportunidade de conhecer o trabalho que é desenvolvido com cerca de 180 crianças assistidas pelo Programa Forças no Esporte (PROFESP), sob a coordenação da EPCAR e com a participação de voluntários do efetivo da Guarnição de Aeronáutica de Barbacena (GUARNAE-BQ).

Fotos: Sargento Domingos / NascenTV