ESPORTE

Atletas da FAB conquistam as primeiras medalhas nos Jogos Mundiais Militares 2019

7ª edição dos Jogos será disputada até domingo (27) em Wuhan, na China
Publicado: 21/10/2019 20:10
Imprimir
Fonte: Agência Força Aérea, por Tenente Felipe Bueno
Edição: Agência Força Aérea - Revisão: Tenente-Coronel Santana

O Brasil já conquistou as primeiras medalhas na 7ª edição dos Jogos Mundiais Militares, disputados entre 18 e 27 de outubro na cidade de Wuhan, na China. Até esta segunda-feira (21), o país ocupa a 4ª colocação no quadro geral de medalhas com três conquistas de ouro, oito de prata e 12 de bronze. As três primeiras colocações são ocupadas por China, Rússia e Alemanha.

Das 23 medalhas conquistadas pelos militares brasileiros, 12 tiveram envolvimento de atletas da Força Aérea Brasileira (FAB). A primeira conquista brasileira foi do Capitão Aviador Frederico de Brito Machado, do efetivo do Sétimo Esquadrão do Oitavo Grupo de Aviação (7º/8º GAV) - Esquadrão Harpia -, no sábado (19), com a segunda colocação no Rally Aéreo, que faz parte da modalidade Pentatlo Aeronáutico Militar. A prova consiste de uma navegação aérea a uma altura entre 450 e 750 pés (de 130 a 230 metros, aproximadamente) – a uma velocidade média de 200 km/h, em terreno desconhecido pelo piloto, utilizando apenas um mapa, um transferidor e uma régua de tempo. Em Wuhan, a aeronave utilizada foi um Nanchang Cj-6.

Além da prata do Capitão Brito, o sábado também trouxe a primeira medalha de ouro de um atleta da FAB. Na natação, no revezamento 4x100m livre masculino, o Sargento Pedro Henrique Silva Spajari, da Comissão de Desportos da Aeronáutica (CDA), subiu ao lugar mais alto do pódio após a equipe brasileira - formada, ainda, pelos Sargentos Marco Ferreira, André Calvelo e Fernando Scheffer, do Exército Brasileiro (EB) - marcar 3min14s36, novo recorde dos Jogos Mundiais Militares.

Na natação, os militares da FAB ainda conquistaram mais três medalhas: uma prata nos 50m estilo livre masculino, também do Sargento Spajari; uma prata nos 50m estilo peito feminino, da Sargento Jhennifer Alves da Conceição, (CDA); e uma medalha de bronze nos 1500m nado livre feminino, da Sargento Viviane Eichelberger Jungblut (CDA).

A modalidade que mais rendeu medalhas para atletas da FAB foi o lifesaving (salvamento aquático). Foram seis medalhas: uma prata no revezamento 4x50m com obstáculos masculino, com participação do Sargento Guilherme Rosolen (CDA); e cinco bronzes, nos 50m carregando manequim masculino, também do Sargento Rosolen; nos 100m medley de resgate feminino, da Sargento Fernanda Rafaela Dos Santos Andrade (CDA); no revezamento 4x25m com manequim feminino, com as Sargentos Fernanda, Thamy Caretta Ventorin e Priscila Cristina Cavalcante de Souza (CDA); no revezamento 4x50m com obstáculos feminino, com as Sargentos Thamy e De Souza e, por último, nos 50m carregando manequim feminino, da Sargento De Souza.

Já na ginástica artística, o Sargento Caio Campos Souza, também da CDA, ficou em terceiro lugar no individual geral ao somar 82.331 pontos.

Fotos: Pedro Ramos/Ministério da Cidadania e ASCOM/Ministério da Defesa

Acesse aqui o site oficial e confira também a melhor seleção de fotos no Flickr dos Jogos Mundiais Militares