ENSINO

Escola de Especialistas da Aeronáutica realiza 1ª Mostra Técnica e Cultural

Evento contou com a presença do Diretor de Ensino da Aeronáutica (DIRENS), Major-Brigadeiro do Ar Rui Chagas Mesquita
Publicado: 12/04/2019 21:10
Imprimir
Fonte: EEAR, por Tenente Candiani
Edição: Agência Força Aérea, por Tenente Felipe Bueno - Revisão: Capitão Landenberger

A Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR) realizou, entre 11 e 12 de abril, a 1ª Mostra Técnica e Cultural da EEAR. A cerimônia de abertura foi realizada no Centro de Treinamento de Especialistas (CTE), em Guaratinguetá (SP), e contou com a presença do Diretor de Ensino da Aeronáutica (DIRENS), Major-Brigadeiro do Ar Rui Chagas Mesquita, e do Comandante da EEAR, Brigadeiro do Ar Valdir Eduardo Tukumantel Codinhoto.

A Mostra, idealizada pelo Brigadeiro Codinhoto, é baseada nas tradicionais feiras de ciências e mostras científicas realizadas em unidades de ensino no país, mas com um formato em consonância com o perfil da EEAR - contemplando as 28 especialidades lecionadas na organização. A Mostra foi dividida em três etapas: a competição de lançamento de foguetes, o foguetemodelismo; apresentações culturais e quiz intelectual; e, por fim, apresentação de trabalhos e projetos técnicos, de acordo com a área de conhecimento e atuação das especialidades dos alunos.

O evento busca metodologias ativas e uma nova construção do aprendizado, buscando garantir uma formação completa ao aluno, como explica o Comandante da EEAR. “Esse tipo de ação faz com que o conhecimento se potencialize, com que as pessoas saiam da posição de passividade, da posição de uma sala de aula tradicional, onde o aluno escuta, estuda e faz a prova. O grande objetivo foi mostrar que existe uma dimensão maior, que existe uma possibilidade muito maior na sua formação intelectual, cultural, técnica e social. E, ainda, de iniciativa, de buscar o conhecimento, de se lançar ao desafio. Isso multiplica, potencializa, eleva exponencialmente a capacidade de aprendizagem, de sedimentação e construção de conhecimento”, disse o Brigadeiro Codinhoto.

Competição de foguetes
As competições da Mostra iniciaram-se com o foguetemodelismo, onde equipes de alunos desenvolveram conceitos sobre aerodinâmica utilizando materiais de baixo custo. Nesse tipo de foguete a massa de reação é a água, submetida à pressão por ar comprimido no vaso de pressão feito de garrafas pet. A disputa teve quatro times com dez alunos cada, representando cada esquadrão da EEAR, supervisionados pelos professores de física Eleasar Martins Marins e Emerson Ferreira de Lucena. Foram três lançamentos por equipe, computando a maior distância alcançada pelo foguete. Somente no último lançamento, o foguete do Esquadrão Branco atingiu a marca dos 145,90 metros, dando o título à equipe.

A premiação foi feita com a participação do Diretor de Ensino, do Comandante da EEAR e dos professores Eleasar e Emerson. Presente no evento, o Coronel Antônio Geraldo Rodrigues, do Comando de Aviação do Exército, elogiou a disputa. “Foi uma prova inovadora, eu mesmo não conhecia esse tipo de prova. Percebi nitidamente a empolgação e a motivação de todos os alunos. Um trabalho ecologicamente correto também, o material utilizado não envolveu qualquer agente químico, somente água, materiais descartáveis e ar comprimido. Espero que ocorra também nos próximos anos”, comentou.

Fotos: Sargento Luiz/EEAR.