SOLIDARIEDADE

Hospital da Força Aérea de São Paulo organiza campanha de doação de sangue

A iniciativa, realizada durante cinco dias, contou com a adesão de 50 militares da Força Aérea
Publicado: 13/12/2018 17:00
Imprimir
Fonte: HFASP
Edição: Agência Força Aérea, por Tenente Carlos Balbino - Revisão: Capitão Landenberger

O Hospital de Força Aérea de São Paulo (HFASP) organizou uma campanha em comemoração ao Dia Nacional do Doador de Sangue, celebrado em novembro. A iniciativa, realizada durante cinco dias, entre 26 e 30, contou com a adesão de 50 militares da Força Aérea.

O gesto de solidariedade contou com o apoio de diversas unidades de São Paulo. As doações foram realizadas na Fundação Pró-Sangue (FPS), instituição pública ligada à Secretaria de Estado da Saúde e ao Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (HC-FMUSP), que fornece bolsas de sangue e de hemocomponentes para mais de 100 instituições públicas de saúde da região metropolitana de São Paulo, incluindo o HFASP. O objetivo da campanha foi incentivar a mudança do cenário atual e conscientizar a população sobre a importância da doação.

“Sou enfermeira e entendo a importância do ato de doação de sangue. Já presenciei inúmeras situações onde a falta de bolsas de sangue foi determinante para um paciente. Realizar esta doação me trouxe a certeza de estar cumprindo ainda mais com meu dever de cuidar de outras vidas”, disse a Tenente Marisa Spinelli.

De acordo com o Ministério da Saúde, apenas 1,8% da população brasileira doa sangue. As transfusões de sangue e de seus componentes ajudam a salvar milhões de vidas todos os anos (uma doação pode salvar até quatro vidas). Contribuem também para que os pacientes com doenças potencialmente mortais vivam por mais tempo e com melhor qualidade de vida, além de possibilitarem intervenções médicas e cirúrgicas complexas.

As transfusões têm uma função vital no atendimento materno-infantil, na gravidez e na resposta de emergência. A iniciativa de doar sangue, além de ajudar a quem precisa, destaca valores humanos fundamentais, como altruísmo, respeito, empatia e generosidade – sentimentos compartilhados por muitos dos militares que participaram da campanha.

“Ao doar meu sangue, fiquei imaginando quantas pessoas eu estaria ajudando. Para muitos é um simples ato, mas na verdade este gesto salva vidas, traz esperança e alegria. Essa é a segunda vez que faço esta ação e continuarei a fazer sempre, para poder ajudar ao máximo a quem precisa. Isso não tem preço e é muito gratificante”, comentou o Soldado Douglas Gonçalves Moreira.

Fotos: Capitão Daniele