TRÁFEGO AÉREO

Reunião do Comitê de Segurança Operacional apresenta resultados de 2018

Um dos assuntos abordados foi relacionado aos fatores humanos na segurança operacional, englobando capacitação para a psicologia
Publicado: 14/11/2018 10:15
Imprimir
Fonte: DECEA
Edição: Agência Força Aérea, por Tenente João Elias - Revisão: Capitão Landenberger

O Departamento de Controle do Espaço Aéreo (DECEA), por meio da Assessoria de Segurança Operacional no Controle do Espaço Aéreo (ASEGCEA), promoveu, no dia 1º de novembro, a 14ª Reunião do Comitê de Segurança Operacional do Sistema de Controle do Espaço Aéreo Brasileiro (14º CSO - SISCEAB), no Segundo Centro Integrado de Defesa Aérea e Controle de Tráfego Aéreo (CINDACTA II), em Curitiba (PR).

"As iniciativas relacionadas à segurança operacional precisam ter o comprometimento de todos os envolvidos nos processos, além de estarem imbuídos na busca da identificação dos perigos e dos riscos envolvidos, provendo um gerenciamento eficaz no espaço aéreo brasileiro", destacou o secretário do Comitê de Segurança Operacional do SISCEAB e chefe da ASEGCEA, Coronel Aviador Antônio Augusto Rosa Salles.

Entre os assuntos debatidos na reunião, o Coronel Salles exibiu o panorama da segurança operacional no SISCEAB e, após um breve histórico, discorreu sobre as atividades e os resultados apresentados em 2018. Foram expostas as informações acerca da garantia da segurança operacional, contemplando os cursos de capacitação da área, bem como as vistorias e status da aceitação do Sistema de Gerenciamento da Segurança Operacional (SGSO) no SISCEAB, de dados de ocorrências no espaço aéreo (Ocorrências ATS), incursão em pista e eventos TCAS RA (Sistema Anticolisão de Tráfego - Avisos de Resolução).

Outro assunto apresentado foi relacionado aos fatores humanos na segurança operacional, englobando capacitação para a psicologia, as pesquisas de fatores humanos (PFH) e seus resultados por categoria, fatores contribuintes dos fatores humanos dos Relatórios de Investigação do Controle do Espaço Aéreo (RICEA), o Programa de Desenvolvimento das Habilidades Não Técnicas (PDHNT), e por fim, foi apresentado o Treinamento da Memória Operacional (COGMED).

Ao final da reunião foram entregues pelo Diretor-Geral do DECEA, Tenente-Brigadeiro do Ar Jeferson Domingues de Freitas, e Vice-Diretor, Major-Brigadeiro do Ar Leonidas de Araújo Medeiros Júnior, os Certificados de Aceitação do SGSO à Gerência de Navegação Aérea da Costa do Sol Operadora Aeroportuária S/A e à Gerência de Navegação Aérea da Inframérica, entidades provedoras de serviços de navegação aérea que tiveram êxito na implementação do SGSO, por terem atingido 100% de conformidade com as normas estabelecidas.

Fotos: CINDACTA II.