INTENDÊNCIA

Sistema garante normatização de processos da FAB

CENCIAR é o órgão central do Sistema de Controles Internos da Aeronáutica
Publicado: 21/08/2018 00:00
Imprimir
Fonte: Agência Força Aérea, por Tenente Jonathan Jayme
Edição: Agência Força Aérea - Revisão: Major Alle

Orientar e aperfeiçoar as normas de controles internos da gestão para que todos os níveis da estrutura organizacional estejam seguros para alcançar os objetivos estabelecidos. A partir desta premissa, foi instituído o Sistema de Controles Internos da Aeronáutica (SISCONIAER) no âmbito da administração da FAB.

Esse conjunto de ações atua na identificação, avaliação e gerenciamento de riscos que possam impactar nos propósitos traçados pela Força. O Centro de Controle Interno da Aeronáutica (CENCIAR) é o órgão central do sistema e tem a função de apoiar as unidades gestoras na estruturação e efetivo funcionamento das linhas de defesa da gestão (entenda no quadro).

O Chefe do CENCIAR, Brigadeiro Intendente Sérgio Almeida de Paula e Silva, explica que a Organização Militar faz isso por meio de serviços de consultoria e avaliação de processos de governança, gerenciamento de riscos e controles internos, bem como por intermédio de atividades de auditoria e de fiscalização. “O SISCONIAER trabalha para melhorar a normatização de processos. Esta é uma área da administração que precisa de atualização constante de normas e esse é o nosso papel”, completa. 

A partir do sistema de linhas de defesa, o Brigadeiro Sérgio pontua que a atuação dos executores das ações da FAB (infográfico) é a que possui maior responsabilidade para a condução ordenada e legal das atividades da administração. “Se há uma boa gestão dos recursos na fase inicial, antes que os fatos ocorram, teremos uma eficaz prestação de contas”, diz.

Na conclusão do Chefe do CENCIAR, o sistema instituído cumpre normativas externas quanto à governança e proporciona à FAB maior transparência na proteção de seus ativos, na gestão de riscos e na produção de dados contábeis confiáveis.