ESPORTES

Escola da FAB sedia competição entre alunos das três Forças em Barbacena (MG)

Evento esportivo é aberto ao público e gratuito
Publicado: 25/09/2017 18:20
Imprimir
Fonte: Agência Força Aérea, por Ten Cristiane dos Santos

Uma das modalidades esportivas é a corridaOcorre até a próxima sexta-feira (29/09) a 49ª Edição da NAE, competição esportiva entre os alunos do Colégio Naval (CN), da Escola Preparatória de Cadetes do Exército (EsPCEx) e da Escola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR). Os jogos são promovidos pelo Ministério da Defesa (MD) e, a cada ano, uma das escolas é a anfitriã. Este ano, a sede dos jogos é a EPCAR, localizada em Barbacena (MG).

Assim que as delegações chegaram, receberam as boas-vindas dos alunos da EPCAR e do Comandante da Escola, Brigadeiro do Ar José Aguinaldo de Moura, e posaram para a foto oficial. O Comandante-Geral de Pessoal (COMGEP), Tenente-Brigadeiro do Ar Antonio Carlos Moretti Bermudez, presidiu a cerimônia de abertura. O Diretor de Ensino da FAB, Major-Brigadeiro do Ar Rui Chagas Mesquita, além de outras autoridades também participaram do evento, que contou com desfile das tropas dos alunos, hasteamento do Pavilhão Nacional e dos estandartes e acendimento da Pira Olímpica. O fogo simbólico foi conduzido pela guarda formada por alunos das três escolas.

Alunos das três escolas carregam fogo simbólicoO Comandante da EPCAR destacou a responsabilidade em sediar o evento e a importância do esporte e da confraternização entre os alunos. “Nós recebemos duas grandes delegações, da Marinha e do Exército, por meio de suas escolas, e nos esforçamos para oferecer a melhor estrutura. Tenho certeza de que o evento será grandioso. As nossas expectativas são as melhores, pois vemos os alunos se dedicando muito”, disse o Oficial-General.

O Oficial-General lembra que a rotina dos alunos é intensa, ainda assim, eles conseguem se dedicar à prática esportiva. “É algo que nos deixa muito orgulhosos vê-los desempenhando as atividades esportivas e a motivação para realizar as competições da melhor maneira possível, sempre com companheirismo e respeitando os adversários, que é a tônica da competição”, ressaltou.

Acendimento da Pira OlímpicaEm 2016, a EPCAR foi a escola que venceu o maior número de modalidades. O praticante de orientação da EPCAR, Diego Amadeu Schroeder, está bem otimista com a competição para este ano também. “Participamos de diversas competições que somaram à experiência da equipe e intensificamos os treinamentos nas últimas semanas, visando ao bom rendimento nas provas. Acredito que as equipes da EPCAR estão muito bem preparadas. Com muita dedicação e muito comprometimento, tendo que conciliar a rotina militar à rotina de estudos e aos treinamentos, a gente busca o melhor resultado”, afirmou.

Salto em altura é um dos esportes disputadosAos 83 anos, Odete Valentino Domingos é bem conhecida entre os alunos das três escolas. Professora especialista de arremesso e lançamento de peso da EsPCEx, com 40 anos de NAE, tia Odete, como gosta de ser chamada, afirma que a competição é a melhor oportunidade de interação entre as escolas. “Eu adoro este trabalho e de ver as três forças competindo de forma saudável. É a oportunidade que muitos gostariam de ter, estar envolvido em um evento tão respeitável como este. Tenho certeza de que faremos uma excelente competição”, garantiu.

Oficiais-Generais durante cerimônia de abertura da 49ª Edição da NAEQuinhentas e quarenta e seis pessoas estão envolvidas diretamente na competição. Alunos com idades entre 14 e 21 anos disputam onze modalidades esportivas. Além dos tradicionais jogos de futebol, vôlei e basquete, ocorrem esportes difundidos principalmente no meio militar, como esgrima, orientação, triatlo militar e tiro esportivo. O primeiro dia de competição teve atletismo, natação, futebol e vôlei. O evento é aberto ao público e entrada, franca. 

 

 

 Confira como foi a abertura do evento. Assista também como está a expectativa dos alunos para a semana de competição: