INSTRUÇÃO

Ala 10 realiza palestras sobre segurança aérea

Foram abordados o aspecto psicológico e a manutenção para prevenção de acidentes
Publicado: 24/07/2017 15:30
Imprimir
Fonte: Ala 10
Edição: Agência Força Aérea, por Aspirante Cristiane dos Santos

Comandante da Ala 10 na abertura do eventoUm ciclo de palestras, cujo foco foi a segurança na instrução aérea, foi realizado na Ala 10 da Força Aérea Brasileira (FAB), em Natal (RN), na última sexta-feira (21/07). O Comandante da Ala, Brigadeiro do Ar Pedro Luís Farcic, realizou a abertura do evento, que foi focado nos aeronavegantes e mantenedores de aeronaves, e ressaltou a importância do tema ao efetivo, que se dedica a especializar os pilotos de combate da FAB. “Nada justifica um acidente ou um incidente aéreo”, ressaltou.

Uma das palestras foi sobre a importância do aspecto psicológico para a segurança de voo, em especial na instrução. De acordo com  a Tenente Psicóloga Pollyana Maria de Andrade Lima, do Segundo Serviço de Investigação de Acidentes Aeronáuticos (SERIPA II), independentemente da causa do acidente, o homem é quem direciona todas as ações aeronáuticas. "Deve-se buscar o fortalecimento da cultura organizacional que favoreça a segurança operacional e a reflexão sobre o erro. Cultura é a palavra-chave para favorecer a segurança de voo. Incentivar, influenciar o questionamento do erro e qual o aprendizado que eu tiro disso. Como eu posso fazer de forma correta? O que eu vou fazer com esse erro? Isso tudo deve ser questionado enfatizando os aspectos positivos”, explicou a psicóloga.

Tenente Pollyana e especialista em psicologia aeronauticaA responsabilidade da manutenção na prevenção dos acidentes aeronáuticos e os resultados e expectativas para o Grupo de Logística da Ala 10 também foram temas tratados durante o ciclo de palestras. “A nossa grande importância é a prevenção. Quando a gente tira um tempo desse para falar sobre segurança, estamos aumentando o nível de alerta dos nossos mantenedores. Estamos fazendo um serviço de prevenção de modo a aumentar a nossa segurança de voo”, explicou o Comandante do Grupo de Logística (GLog) da Ala 10, Coronel Aviador Eduardo Coelho Medeiros.

Ainda segundo ele, a ideia de falar do planejamento é proporcionar uma consciência situacional para o profissional do GLog. "Dessa forma, o militar tem ciência dos momentos de maior pressão e da importância de atender às metas estipuladas, tendo consciência do impacto do seu trabalho na instrução e na formação do piloto de combate”, finalizou.