SEGURANÇA PÚBLICA

Intendência Operacional da FAB é acionada para o ES

Cerca de 22 toneladas de materiais vão dar suporte a militares da GLO
Publicado: 09/02/2017 18:00
Imprimir
Fonte: Agência Força Aérea, por Ten Cynthia Fernandes

Uma aeronave Hércules C-130 da Força Aérea Brasileira (FAB) está prevista para decolar na tarde desta sexta-feira (10/02), da Base Aérea do Galeão (BAGL), com aproximadamente 12 toneladas de materiais de Intendência Operacional, que vão dar subsídios às tropas da FAB e da Força Nacional que se deslocaram para o Espírito Santo para reforçar a segurança do Estado. Nesta sexta-feira, quatro carretas e três caminhões seguem para a capital capixaba com mais 10 toneladas de suprimentos.

O Módulo de Alimentação a Pontos Remotos (Mapre), que inclui cinco containeres que se formatam numa cozinha industrial, se desloca na carroceria de um dos caminhões. O Rodomapre, que funciona no formato de cozinha sob rodas, está embarcado no Hércules. Ambos módulos são usados para produção e preparação das refeições servidas em atividades operacionais em locais afastados, como a atuação no Espírito Santo. O objetivo é alimentar cerca de 500 militares por dia.

São mais de 35 toneladas de estruturas metálicas, barracas de campanha climatizadas, rancho e refeitório, além de módulos sanitários e lavanderia. Toda a infraestrutura será montada numa área da Infraero, em Vitória (ES), cedida aos militares responsáveis pela Garantia da Lei e da Ordem (GLO) na região.

Segundo o Major Luciano Antônio Araújo dos Santos, Comandante do Escalão Móvel de Apoio, a Intendência Operacional é uma vertente da logística operacional da FAB voltada a apoiar o militar em ambientes de campanha. “O objetivo é poder fazer com que as tropas de GLO possam encontrar um ambiente para descansar, uma alimentação de qualidade. Vamos trabalhar para prover um ambiente adequado e em plenas condições para cumprir a missão com tranqüilidade pelo tempo determinado”, esclarece.

Conheça a Intendência Operacional

Um trabalho silencioso, de bastidores, mas fundamental para o sucesso das várias missões da Força Aérea Brasileira (FAB). Assim é a atuação da Intendência Operacional,  que tem um leque de atuação bastante diverso. O engajamento pode se dar em situações de ajuda humanitária, calamidade pública, desastres naturais, enchentes, acidentes aéreos, ações de Garantia da Lei e da Ordem (GLO) e até mesmo em guerras.

Já foram várias as operações da Intendência Operacional contabilizadas ao longo desses anos no Brasil e no exterior. Neste rol estão, entre outras, o socorro às vítimas do terremoto do Haiti, em 2010; Operação Serrana, em janeiro de 2011, no Rio de Janeiro; e no acidente do Voo 1907, no ano de 2006. Quem esteve em uma dessas missões sabe o quanto o apoio é fundamental.

A Divisão de Intendência Operacional da FAB está sediada na Base Aérea dos Afonsos (BAAF), no Rio de Janeiro (RJ). A unidade concentra a maior parte do material utilizado nas operações.

Além dessa vertente ligada ao auxílio à população civil, a Intendência Operacional também auxilia as unidades-escola da FAB em exercícios de campanha de seus alunos.

Conheça um pouco mais sobre a intendência operacional da FAB