FORMATURA

Novos graduados da Força Aérea Brasileira recebem divisa de sargento

A cerimônia foi realizada na Escola de Especialistas, em Guaratinguetá (SP)
Publicado: 25/11/2016 15:25
Imprimir
Fonte: Agência Força Aérea, Ten Iris Vasconcellos

A Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR), localizada em Guaratinguetá (SP), realizou, nesta sexta-feira (25/11), a formatura de 500 novos sargentos da Força Aérea Brasileira (FAB) e de cinco sargentos de outros países. A cerimônia, presidida pelo Comandante da Aeronáutica, Tenente-Brigadeiro do Ar Nivaldo Luiz Rossato, contou com a presença de oficiais-generais do Alto-Comando e de diversas autoridades.

De acordo com o Comandante da Aeronáutica, os novos profissionais vão ser muito importantes para o dia a dia das unidades da FAB. "Acredito que eles vão ser muito dedicados à Força Aérea e ao Brasil", destacou. O Tenente-Brigadeiro Rossato também ressaltou o alto padrão do ensino da EEAR. "Proporcionar um ensino de qualidade para as escolas da FAB é uma meta constante. E aqui nós procuramos fazer com que, a cada ano, a qualidade do ensino aumente", ressaltou.

O grupo de formandos é composto por duas turmas, a Cruzeiro do Sul e a Caracal, constituídas por sargentos do Curso de Formação de Sargentos (curso regular com duração de dois anos) e do Estágio de Adaptação à Graduação de Sargento (estágio de adaptação ao meio militar com duração de 24 semanas), além de sargentos da modalidade especial (estágio com um ano de duração).

O primeiro colocado do Curso de Formação de Sargentos, Willian André Avallone, obteve a média 9,7, e conta quais são as características necessárias para ser bem sucedido na escola durante o período de formação. "Eu cheguei aqui na EEAR achando que ia ter que estudar muito e tive que estudar muito mais do que eu imaginava. Dediquei-me muito na primeira série e vi que eu fiquei entre os melhores, então, eu pus na cabeça que ia ter que virar primeiro colocado", revela o militar da especialidade Mecânica de Voo que agora vai servir no Esquadrão Condor (1°/2° GT), localizado no Rio de Janeiro.

Já a primeira colocada do Estágio de Adaptação, a Sargento Lauriane Aparecida Inácio da Silva, revelou o que espera do futuro na FAB. "Eu espero aprimorar minhas qualificações e futuramente ter a possibilidade de tentar concursos para me tornar oficial", destacou. A sargento é da especialidade de Eletrônica e vai servir no Segundo Centro Integrado de Defesa Aérea e Controle de Tráfego Aéreo (CINDACTA II), em Curitiba (PR).

Criada em Pirassununga (SP) com a presença frequente da Esquadrilha da Fumaça, a Sargento Jéssica Hansen sempre quis pertencer à FAB. Ela, que escolheu a especialidade Controle de Tráfego Aéreo, agora vai ter uma experiência nova no início da carreira. "Eu vou servir em Corumbá (MS), fronteira com dois países da América Latina. A minha expectativa é aprender bastante".

A mãe de Jéssica, Adriana Morais Hansen, destacou que a filha amadureceu bastante desde o primeiro dia em que entrou na EEAR. "Essa formatura é uma vitória para ela, espero que ela seja uma excelente profissional para a FAB", acrescentou.

EEAR - A Escola de Especialistas de Aeronáutica é o maior centro de formação técnica da América do Sul. Ao longo de 75 anos, já formou mais de 70 mil sargentos para a Aeronáutica. Confira mais informações sobre a profissão dos Sargentos da Aeronáutica nesta página.

Para o Comandante da Escola, Brigadeiro do Ar Jayme Ferreira Junior, a formação oferecida pela EEAR é fundamental para a qualidade profissional dos novos sargentos.

"Nosso grande diferencial é que além da nossa formação técnica, nós entregamos a esses jovens os valores que nos são caros, os valores que são importantes na vida militar", finalizou.

Veja no vídeo como foi a formatura da EEAR:

imagens/original/32339/161125mfr(c)alexandre_manfrim-7.jpg