ORDEM DO DIA

Dia Internacional do Controlador de Tráfego Aéreo

Publicado: 20/10/2016 12:58
Imprimir
Fonte: DECEA

O Brasil, um país de dimensões continentais, tem na aviação um importante alicerce logístico para a integração de seu vasto território. Isso confere à atividade forte relevância no contexto nacional, visto que grande parte da geração de riquezas da nação depende, de alguma maneira, do transporte aéreo nacional.

O dia 20 de outubro foi escolhido para reconhecer, em âmbito internacional, os homens e as mulheres, civis e militares, que contribuem nos órgãos de controle, em discreto anonimato, para a missão de garantir a segurança, rapidez e ordenação das aeronaves e de seus passageiros, desde os pátios dos aeroportos até os mais longínquos destinos.

Muitas modificações vêm ocorrendo no cenário mundial, em curto espaço de tempo, exigindo dos provedores de serviços de navegação aérea grande capacidade de superação e modernização, demandando uma força profissional extremamente capacitada e flexível para fazer frente aos inúmeros desafios que o desenvolvimento do transporte aéreo vem produzindo.

Neste contexto, a Força Aérea Brasileira (FAB), por intermédio do Departamento de Controle do Espaço Aéreo (DECEA), utilizou o Programa Sirius no intuito de investir em diversos setores que aprimoram as comunicações, a navegação aérea e a vigilância para assegurar o uso racional do espaço aéreo nacional e manter o Sistema de Controle do Espaço Aéreo Brasileiro (SISCEAB) entre os mais seguros e eficientes do mundo, principalmente no que tange à gestão do tráfego aéreo.

Assim, o aumento da capacidade de controle, o crescente uso de novas tecnologias e a preocupação com o meio ambiente constituem fatores que têm requerido, cada vez mais, significativas adaptações na formação e manutenção dos profissionais que zelam pela segurança do espaço aéreo e pelo êxito de sua utilização pelos diversos usuários do transporte aéreo nacional.

O Brasil, em evidência no cenário mundial em termos de segurança da navegação aérea, certamente viveu, no período recente, um momento ímpar em sua história ao sediar diversos eventos internacionais relevantes, obtendo em todos eles o reconhecido sucesso.

Os Jogos Mundiais Militares, a Jornada Mundial da Juventude, a Copa das Confederações, a Copa do Mundo de Futebol da FIFA, os Jogos Olímpicos e Paralímpicos exigiram do SISCEAB e seus integrantes grande capacidade de planejamento e de execução, em especial dos controladores de tráfego aéreo, que nas ocasiões em questão demonstraram toda a sua capacidade de adaptação, disciplina de trabalho e competência técnica que, já há muito, vêm contribuindo para fazer do serviço de controle de tráfego aéreo nacional um exemplo a ser seguido mundialmente, em termos de garantia da segurança, eficiência e fluidez.

Em reconhecimento à importância desse segmento frente às necessárias transformações dos serviços prestados à nação brasileira e aos demais desafios que rotineiramente se apresentam à circulação aérea nacional, como diretor-geral do DECEA parabenizo todos os controladores de tráfego aéreo do Brasil pela passagem deste dia dedicado aos profissionais cuja rotina diária é vigiar e garantir a segurança do voo nos céus da nação.

Parabéns, controlador de tráfego aéreo brasileiro!

Tenente-Brigadeiro do Ar Carlos Vuyk de Aquino
Diretor-Geral do DECEA