ESPORTE

Na Alemanha, atletas da FAB disputam campeonato mundial militar de pentatlo moderno

Dos seis atletas que vão representar o Brasil, dois são militares da Força Aérea Brasileira
Publicado: 16/09/2016 08:00
Imprimir
Fonte: Agência Força Aérea, por Ten Jussara Peccini

Dos seis atletas que compõem a equipe brasileira no 44° Campeonato Mundial Militar de Pentatlo Moderno, dois são militares da Aeronáutica. O evento do Conselho Internacional do Desporto Militar (CISM) inicia neste sábado (17/09) em Warendorf, na Alemanha.

O Sargento da Aeronáutica Felipe Lima do Nascimento e a Sargento do Exército Brasileiro Yane Marques, membros da equipe, levam na bagagem a recente participação nos Jogos Olímpicos Rio 2016. Além deles, formam a equipe masculina o Sargento da Aeronáutica William Muinhos de Sousa e o Capitão do Exército Luís Armando Barroso Magno. Completam a equipe feminina as Sargentos do Exército Larissa Tiburcio Lellys e Priscila Oliveira.

“A equipe estará bem representada pelos líderes do ranking nacional, tanto no masculino quanto no feminino. O Brasil está levando uma equipe que mescla experiência com jovens talentos”, avalia o chefe de equipe, Capitão Thales Rabelo Metre, sobre as chances da delegação brasileira. “Temos uma boa chance de medalhas e a meta é de subir ao pódio pelo menos em duas oportunidades, incluindo as competições por equipe, individuais e do revezamento”, completa.

As competições de pentatlo moderno envolvem provas de esgrima, natação (200 metros), hipismo (saltos), evento combinado de tiro e corrida. Os atletas competem individualmente. No final são somados os resultados dos três atletas de cada equipe (masculino e feminino) e tem-se o ranking geral. No campeonato mundial também é disputado o revezamento misto, em que as provas são disputadas pelas duplas.

Com a experiência de ter participado dos Jogos Mundiais Militares da Coreia do Sul em 2015, quando conquistou a medalha de prata no revezamento misto em conjunto com a Sargento Yane Marques, e dos Jogos Rio 2016, a expectativa do Sargento Felipe Nascimento é de que o nível da competição na Alemanha esteja muito forte.

“Muitos atletas que estão entre os melhores do ranking mundial da Union Internationale de Pentathlon Moderne (UIPM) são militares e irão participar”, afirma o atleta.

O militar realizou vários campos de treinamento (camping training) em diversos estados brasileiros e também nos Estados Unidos como preparação para os Jogos Olímpicos. Após a competição, foram poucos dias de descanso e já retornou à rotina de treinamentos para preparação ao mundial militar.

“Sei que a competição será difícil. Mas estou focado para avançar à final da competição e buscar o melhor resultado possível. Espero representar muito bem o meu País e a Força Aérea Brasileira”, afirma o Sargento Nascimento.

Essa determinação também faz parte dos planos do Sargento Muinhos, que faz parte do Programa de Atletas de Alto Rendimento desde 2015. “A minha meta é fazer um bom resultado. Ajudar o Brasil a voltar ao pódio masculino”, afirma o sargento.

Brasil no mundial de pentatlo militar moderno - A primeira participação do Brasil ocorreu na primeira edição da competição, que aconteceu em 1963, na Itália, com a presença de nove países. Após quatro participações brasileiras (1963, 1964, 1969 e 1981), o País só voltou a disputar campeonatos mundiais militares em 1997. A melhor participação foi em 2011, no V Jogos Mundiais Militares, sediado no Rio de Janeiro, quando o Brasil conquistou quatro medalhas, sendo uma de ouro, duas de prata e uma de bronze, com o inédito segundo lugar para a equipe masculina. A 18ª e mais recente participação da delegação brasileira foi no ano passado no VI Jogos Mundiais Militares, na Coreia do Sul.

Fotos: Washington Alves/Exemplus/COB; Flavio Florido/Exemplus/COB.