COMANDO

Unidades da FAB realizam passagens de cargo

Major-Brigadeiro Mesquita é o novo comandante do VI COMAR
Publicado: 18/04/2016 15:47
Imprimir
Fonte: I COMAR, VI COMAR, VII COMAR e EEAR
Edição: Agência Força Aérea, por Ten Cynthia Fernandes

  Cabo V. Santos/ CECOMSAER O Major-Brigadeiro do Ar Rui Chagas Mesquita assumiu, nesta segunda-feira (18/04), o Sexto Comando Aéreo Regional (VI COMAR), localizado em Brasília. O oficial-general substitui o Major-Brigadeiro do Ar Rogério Gammerdinger Veras, que vai assumir a Chefia do Estado-Maior do Comando-Geral do Pessoal em Brasília (DF).

A cerimônia de passagem de comando, realizada na Base Aérea de Brasília (BABR), foi presidida pelo Tenente-Brigadeiro do Ar Cleonilson Nicácio da Silva, Ministro do Superior Tribunal Militar (STM). Também estavam presentes o Tenente-Brigadeiro do Ar Lélio Viana Lôbo, ex-Ministro de Estado da Aeronáutica; o Tenente-Brigadeiro do Ar Raul Botelho, Chefe do Estado-Maior da Aeronáutica (EMAER); o Tenente-Brigadeiro do Ar Gerson Nogueira de Oliveira Machado, Comandante-Geral de Operações Aéreas (COMGAR); entre outras autoridades militares e civis.

  Cabo V. Santos/ CECOMSAER Em seu discurso, o Major-Brigadeiro Veras destacou os trabalhos desempenhados no VI COMAR e das sete unidades subordinadas: Grupamento de Apoio de Brasília (GAP-BR), Prefeitura de Aeronáutica de Brasília (PABR), Base Aérea de Brasília (BABR), Base Aérea de Anápolis (BAAN), Campo de Provas Brigadeiro Veloso (CPBV), Sexto Esquadrão de Transporte Aéreo (6º ETA) e o Batalhão de Infantaria da Aeronáutica Especial de Brasília (BINFAE-BR). “Foram dois anos à frente do VI COMAR exercendo o verbo comandar, que significa comandar em conjunto. Devo meu reconhecimento e agradecimento à minha equipe coesa e dedicada”, declarou o oficial-general.

Representando o Comandante da Aeronáutica, o Tenente-Brigadeiro Machado comentou sobre a importância da substituição de novos comandantes no processo de gestão das organizações militares. “Essa fase concretiza a alternância de ciclos de gestão. É hora dos novos gestores colocarem a experiência e os ensinamentos adquiridos em prática, sempre combinados com os objetivos da FAB”, acrescenta o comandante do COMGAR.

Outras organizações miltiares também realizaram passagens de comando. Confira abaixo:

  VII COMARVII COMAR – O Major-Brigadeiro do Ar Waldeísio Ferreira Campos assumiu o cargo de comandante do Sétimo Comando Aéreo  Regional (VII COMAR), deixado pelo Major-Brigadeiro do Ar Antônio José Mendonça de Toledo Lobato. A cerimônia militar, realizada sexta-feira (15/04) no pátio operacional da Base Aérea de Manaus (BAMN), reuniu autoridades civis e militares. O novo comandante do VII COMAR é natural de Salvador, mas estava em Brasília (DF), onde ocupava o cargo de Vice-Diretor do Departamento de Ensino da Aeronáutica (DEPENS). 

A passagem de bastão teve um gosto especial para o Major Brigadeiro Lobato, pois a fotografia - inaugurada na galeria de retratos dos ex-comandantes do VII COMAR, está exposta dez comandos depois do seu pai, também Major-Brigadeiro do Ar Antônio Alberto de Toledo Lobato. “Eu, como décimo oitavo Comandante deste Comando Aéreo Regional, espero ter honrado o seu legado, construído entre 1990 e 1992”, disse.

  Sargento Sampaio/ I COMARI COMAR - Também na sexta-feira (15/04), o Major-Brigadeiro do Ar Carlos Minelli de Sá assumiu os cargos de Comandante do Primeiro Comando Aéreo Regional (I COMAR) e Presidente da Comissão de Aeroportos da Região Amazônica (COMARA). O oficial-general substitui o Major-Brigadeiro do Ar Paulo Borba, que já está à frente da Diretoria de Engenharia da Aeronáutica (DIRENG), no Rio de Janeiro (RJ).

  Cabo Roberto/ EEAREEAR -  Na mesma data, o Brigadeiro do Ar Jayme Ferreira Junior assumiu o comando da Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR), em Guaratinguetá (SP). O oficial-general substitui o Brigadeiro do Ar Omar Juan Wara, que segue para a reserva depois de 38 anos de serviço ativo.