COMANDO

Novo Comandante assume Quarto Comando Aéreo Regional

Solenidade de transferência de cargo ocorreu na sede da Organização Militar em SP
Publicado: 13/04/2016 15:34
Imprimir
Fonte: IV COMAR
Edição: Agência Força Aérea, por Ten Cynthia Fernandes

O Major-Brigadeiro do Ar Luis Roberto do Carmo Lourenço assumiu, nesta quarta-feira (13/04), o Quarto Comando Aéreo Regional (IV COMAR), localizado em São Paulo. O oficial-general substitui o Major-Brigadeiro do Ar Marcelo Kanitz Damasceno que assumiu a Chefia do Gabinete do Comando da Aeronáutica (GABAER) em Brasília (DF).

A cerimônia de passagem de comando, realizada no Pátio Cambuci, no IV COMAR, foi presidida pelo Comandante-Geral de Operações Aéreas (COMGAR), Tenente-Brigadeiro do Ar Gerson Nogueira de Oliveira Machado. O evento contou com a presença do Comandante Militar do Sudeste, General de Exército Mauro César Lourena Cid; do Chefe do Estado-Maior da Aeronáutica (EMAER), Tenente-Brigadeiro do Ar Raul Botelho;  e dos Ex-Comandantes da Aeronáutica, Tenente-Brigadeiro do Ar Walter Werner Braüer e Tenente-Brigadeiro do Ar Juniti Saito, dentre outras autoridades militares e civis.

Em seu discurso, o Comandante do COMGAR lembrou da importância histórica e estratégica do IV COMAR para o Comando da Aeronáutica.

“Comandar o IV COMAR exige uma grande interação com a sociedade civil e militar pela representatividade da Força Aérea nessa região, requer habilidade de ouvir e uma atenção especial pela concentração de grande parte da indústria aeronáutica em São Paulo”, afirmou o Tenente-Brigadeiro Machado.

O Comandante do COMGAR destacou ainda que as restrições orçamentárias trazem implicações severas à atividade-fim da Força. “É necessário uma postura de Comando que possibilite minimizar esses efeitos. Estamos pautando nossas decisões em opções simples e pragmáticas baseadas na realidade que envolve as organizações”, destacou. 

O Major-Brigadeiro do Ar Damasceno afirmou ter orgulho do trabalho realizado, baseado na continuidade administrativa e na cooperação entre militares e diversas instituições. “Hoje, após 75 anos da criação da FAB, podemos nos orgulhar de possuir um Comando Aéreo Regional balizado na eficiência, com excelentes resultados. Os efeitos alcançados são de uma equipe coesa e motivada”, reforçou o novo Chefe do GABAER.

Expectativas de Comando

Sobre os desafios e expectativas do novo cargo, o Major-Brigadeiro Lourenço destacou a o momento de transição e modernização da Força Aérea em São Paulo. “A FAB vive um momento reestruturação administrativa e operacional. Será um período de muito trabalho, intensa relação com a sociedade, com os militares da ativa e da reserva. A tônica do Comando será de modernização e transformação”, afirma o Oficial General.

O Major-Brigadeiro do Ar Luis Roberto do Carmo Lourenço é praça de março de 1976, possui cerca de 3.900 horas de voo, em seis diferentes aeronaves. Dentre os principais cargos ocupados destacam-se: Adido de Defesa e Aeronáutica do Brasil no Equador, Vice-Chefe do Centro de Inteligência da Aeronáutica (CIAER), Chefe da Assessoria Parlamentar do Comandante da Aeronáutica (ASPAER), Chefe do Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (CENIPA) e, recentemente, Chefe do Estado-Maior do Comando-Geral do Pessoal (COMGEP). Possui 16 condecorações nacionais e uma internacional.