SEGURANÇA DE VOO

FAB comemora aniversário da primeira inspeção em voo

Procedimento garante segurança das operações aéreas
Publicado: 21/02/2015 11:34
Imprimir
Fonte: Agência Força Aérea

Aeronave IU-93  Tenente Enilton / Agência Força AéreaA data de 21 de fevereiro marca, desde 1959, a primeira inspeção em voo realizada no Brasil, com tripulação e aeronave nacionais. Cinquenta e seis anos após este feito histórico, a unidade da Força Aérea Brasileira que deu continuidade à missão é o Grupo de Inspeção em Voo (GEIV), localizado no Rio de Janeiro e subordinado ao Departamento de Controle do Espaço Aéreo (DECEA). Só em 2014, o GEIV realizou mais de 1000 horas de voo e inspecionou aproximadamente 700 auxílios – denominação que engloba radares, instrumentos de aproximação, balizas eletrônicas, luzes e rádios de comunicação.

Para a execução das atividades de inspeção em voo, o Grupo dispõe de 10 aviões-laboratório, sendo seis IC-95 Bandeirante e quatro IU-93A. Para 2016, a frota será renovada com a aquisição de seis Legacy 500, aeronaves produzidas no Brasil pela Embraer, projeto I-X – assinado em abril de 2014. Os novos Legacy, que começarão a serem entregues em maio do ano que vem, são jatos bimotores de porte médio com alcance intercontinental. Além das aeronaves, a unidade dispõe de mão de obra especializada e qualificada, que passa por formação específica que varia de 2 a 3 anos de estudo.

Há 41 anos, o GEIV é um dos órgãos responsáveis por manter a segurança do tráfego aéreo no País, garantindo que mesmo durante os períodos mais críticos os aeroportos possam operar sem acidentes. Durante os seis dias do carnaval 2015, por exemplo, entre a sexta-feira (13/2) e a terça (18/2), passaram pelos principais aeroportos brasileiros aproximadamente 5,3 milhões de passageiros, superando os números registrados na Copa do Mundo de 2014, segundo a Secretaria de Aviação Civil. 

Saiba mais sobre a missão do GEIV na reportagem da revista AEROVISÃO: