COOPERAÇÃO

FAB será responsável pelas ações contraincêndio do aeroporto de Guarulhos

Convênio com a administradora do aeroporto já está em vigor
Publicado: 20/02/2015 11:00
Imprimir
Fonte: DIRENG

O maior aeroporto VIaturas contraincêndio  1S Nogueirada América Latina, o Aeroporto Internacional de Guarulhos, em São Paulo, terá apoio da Força Aérea Brasileira nas ações de prevenção, salvamento e combate a incêndio em aeronaves. O Convênio de Cooperação, já em vigor, foi assinado entre a concessionária que administra o aeroporto e a Diretoria de Engenharia da Aeronáutica (DIRENG), em cerimônia realizada no Comando-Geral de Apoio (COMGAP), no Rio de Janeiro, no último dia 13.

O convênio tem vigência de cinco anos e prevê a disponibilização de 108 militares da Base Aérea de São Paulo (BASP) treinados para atuar em situações de combate, salvamento e prevenção de incêndios em aeródromos. As contrapartidas do consórcio são o fornecimento de equipamentos e materiais, e a manutenção e adequação das instalações de contraincêndio da BASP.

Segundo o Subdiretor de Sistemas Operacionais da DIRENG, Brigadeiro Engenheiro Robson Fernandes Ramos, o convênio pode abrir portas para parcerias futuras, como a montagem de um Centro de Treinamento de Bombeiros de Aeródromos, com o intuito de qualificação e aperfeiçoamento de recursos humanos. “Esse convênio incorpora uma nova concepção de parceria, na qual as duas instituições são beneficiadas, incluindo uma melhor definição dos compromissos acordados, que serão executados ao longo dos cinco anos”.

O Aeroporto Internacional de Guarulhos é o maior em movimento do Hemisfério Sul, por onde passam cerca de 40 milhões de passageiros por ano e que opera em nível de prevenção contraincêndio categoria 10 - o maior nível previsto em âmbito mundial.

imagens/original/24419/assinatura do convênio2.jpg