SEGURANÇA DE VOO

Espírito Santo recebe seminários de prevenção

Publicado: 19/09/2014 15:16
Imprimir
Fonte: CENIPA/ SERIPA III

Palestra para profissionais do aeroporto  SERIPA IIIO Terceiro Serviço Regional de Investigação e Prevenção de Acidentes (SERIPA III) realizou dois seminários de segurança de voo no Espírito Santo, nos dias 11 e 13 de setembro. Sob a coordenação do Chefe do SERIPA III, Tenente-Coronel Marco Aurélio Lima Moraes, a equipe de cinco militares se encontrou com profissionais que atuam na área de aviação.

O primeiro evento ocorreu no Aeroporto Eurico de Aguiar Salles, em Vitória (ES). O objetivo foi apresentar aos profissionais que trabalham na pista o Sistema de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (SIPAER) e sua filosofia, o risco de fauna, o uso indevido do raio laser, os acidentes na aviação e as ferramentas da prevenção de acidentes aeronáuticos.

Segundo o Gerente de Segurança Operacional do Aeroporto de Vitória, Keldo Gabriel Campos, “o Seminário de Prevenção de Acidentes Aeronáuticos foi de fundamental importância para o desenvolvimento da cultura de segurança entre os colaboradores envolvidos nos processos operacionais”.

Durante a atividade de promoção da segurança de voo, o SERIPA III inaugurou o auditório da nova Torre de Controle do Aeroporto, a qual permitirá a operação da pista de pouso que está em construção.

Palestra para instrutores e alunos do aeroclube  SERIPA IIIO segundo seminário foi realizado no Aeroclube do Espírito Santo, em Vila Velha (ES). O evento contou com a presença de alunos e instrutores de avião, alunos do curso de comissário de voo, pilotos, proprietários de aeronaves e mecânicos.

Os militares do SERIPA III citaram alguns acidentes que envolveram aeronaves de instrução, a segurança nas operações de manutenção, mostraram como gerenciar a prevenção de acidentes aeronáuticos e a Segurança no Pátio e na Área de Manobras.

O evento contou com a participação de mais de 50 participantes. “Eventos educativos como esse são fundamentais para elevação do nível de conscientização da segurança de voo”, declarou o presidente do aeroclube Álvaro Alberto Rebello Santana.

Falcões auxiliam gerenciamento do risco da fauna  SERIPA IIIAeroporto utiliza falcões para prevenção de acidentes
Em Vitória, a equipe do SERIPA III conheceu o gavião-asa-de-telha, ave com cinco anos de idade e há anos utilizada ali em um projeto de falcoaria.

A falcoaria é uma técnica milenar consagrada, utilizada pela sua eficiência e resultados rápidos. Consiste em manejar, criar e treinar falcões e outras aves de rapina com o objetivo de afugentamento e captura das aves que oferecem risco para as operações no aeródromo.

A falcoaria é realizada diariamente nas áreas de pátio e pista do aeroporto de Vitória, entre 7h e 8h e entre 19h e 21h. Todas as aves capturadas são soltas em aréas estabelecidas pelo Ibama.

Assunto(s): , ,