REAPARELHAMENTO

FAB recebe caminhões do PAC Equipamentos

Publicado: 11/09/2012 15:53
Imprimir
Fonte: Agência Força Aérea

A Força Aérea Brasileira recebeu hoje (11/9), em Taguatinga (DF), 33 caminhões que serão entregues para unidades em todo o país. Até o fim do ano serão recebidos mais 68 veículos e outros 300 estão em processo de compra. O investimento total é de 93 milhões de Reais e os recursos são do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC Equipamentos), do Governo Federal.

Os caminhões serão utilizados, por exemplo, para o transporte do Hospital de Campanha (HCAMP) da FAB ou dos equipamentos necessários para realizar operações em lugares distantes das Bases Aéreas. "A nossa capilaridade vai aumentar bastante, de maneira que a gente possa apoiar os lugares mais ermos onde, às vezes, não tem a possibilidade de chegar com avião", explicou o Tenente Brigadeiro do Ar Hélio Paes de Barros, do Comando-Geral de Apoio (COMGAP).

Além disso, mesmo quando há pistas para o pouso de aviões de carga, em algumas situações a Força Aérea também utiliza o transporte terrestre. "Às vezes é mais rápido e mais barato transportar por caminhão que por meio aéreo", ressalta o Brigadeiro Engenheiro Robson Ramos, da Diretoria de Engenharia da Aeronáutica (DIRENG). A mobilidade também é uma das diretrizes da Estratégia Nacional de Defesa, que prevê a capacidade das Forças Armadas se deslocarem rapidamente para regiões de fronteira, por exemplo.

Uma mostra disso aconteceu em setembro de 2011, quando caminhões da FAB percorreram 54.000 Km durante a operação Ágata 2. Sessenta toneladas de barracas, geradores, apoio de alimentação, antenas, banheiros e outros equipamentos foram levados para que os aeroportos de Santa Rosa (RS), Maringá (PR) e Dourados (MS) funcionassem como base de aeronaves da FAB que cumpriam missões de vigilância e combate às atividades ilícitas na fronteira sul. "Toda essa mobilidade vai ser fortalecida, eu diria, em uma dimensão que a gente nunca imaginou", completou o Tenente Brigadeiro do Ar Paes de Barros.

Desse primeiro lote, serão entregues veículos para unidades de apoio, como os Parques de Material de Aeronáutica (PAMA), Prefeituras de Aeronáutica e o Centro Logístico da Aeronáutica (CELOG). Também estão na lista, a Academia da Força Aérea, a Escola de Especialistas de Aeronáutica, Batalhões de Infantaria da Aeronáutica Especial (BINFAE) e todas as Bases Aéreas das regiões Norte, Nordeste, Sul e Sudeste.